Cultura

Projeto de Lei prevê limite de R$ 200 mil para cachês de artistas pagos pelo Estado

Proposta do deputado Cleiton Collins é inspirada em iniciativa do Ministério do Turismo

JC Online
JC Online
Publicado em 20/06/2016 às 16:50
Foto: Deyvison Nunes/ JC Imagem
Proposta do deputado Cleiton Collins é inspirada em iniciativa do Ministério do Turismo - FOTO: Foto: Deyvison Nunes/ JC Imagem
Leitura:

O deputado Cleiton Collins (PP) deu entrada, nesta segunda-feira (20), na Assembleia Legislativa de Pernambuco, em um Projeto de Lei que estabelece um limite para os cachês pagos com verbas públicas para artistas que se apresentam em festas no Estado. Caso o PL seja aprovado, o valor dos repasses não poderá ultrapassar R$ 200 mil. O parlamentar se inspirou em uma iniciativa do Ministério do Turismo, que desde 2014 estipulou este valor como o máximo que seria repassado aos artistas em eventos bancados pela pasta.

"Vou acompanhar o Ministério do Turismo, que estabeleceu um teto de R$ 200 mil para a contratação de artistas. Eu acho que o Estado também deve agir assim porque vemos cachês abusivos e o retorno em cima desses valores altíssimos não vem", explicou o deputado.

O debate sobre o valor dos cachês pagos para os artistas que se apresentam em festas pernambucanas se reacendeu há alguns dias, quando foi divulgado que o cantor Wesley Safadão receberá R$ 575 mil para se apresentar, no próximo sábado (25), no São João de Caruaru. Em 2015, para se apresentar no mesmo local, o artista recebeu R$ 310 mil. "Não dá para aceitar um artista local receber em torno de R$ 3 mil e outro, de fora, receber quase R$ 600 mil, como aconteceu com o Safadão. Tem que haver o equilíbrio", comentou Collins.

Outros artistas de fora de Pernambuco receberão mais de R$ 200 mil para se apresentar em Caruaru no São João deste ano. Segundo levantamento do blog JC Negócios, o cantor Luan Santana recebeu R$ 325 mil para se apresentar no palco do Pátio de Eventos no último dia 10. Além dele, Bel Marques receberá R$ 280 mil pela apresentação do Dia de São Pedro (29), e a banda Aviões do Forró, que tocou no local no último sábado (18), recebeu R$ 250 mil. Ao todo, a Prefeitura de Caruaru deve gastar R$ 4,1 milhões com toda a festa de São João.

Últimas notícias