Coluna Dinheiro

Um Desafio Financeiro para as 52 semanas de 2022

Um desafio que tem como objetivo criar ou fortalecer o hábito de poupar, disciplinar-se e terminar o ano que estamos com um valor que vai ajudar com algum objetivo: compra de algo especial, reduzir o aperto diante de todas as despesas do fim de um e começo de outro, dar um plus na reserva de emergência, uma grana mais para as férias dos filhos ou netos.

Leandro Trajano
Leandro Trajano
Publicado em 21/01/2022 às 16:00
THIAGO LUCAS/ ARTES JC
DINHEIRO - FOTO: THIAGO LUCAS/ ARTES JC
Leitura:

Um desafio que tem como objetivo criar ou fortalecer o hábito de poupar, disciplinar-se e terminar o ano que estamos com um valor que vai ajudar com algum objetivo: compra de algo especial, reduzir o aperto diante de todas as despesas do fim de um e começo de outro, dar um plus na reserva de emergência, uma grana mais para as férias dos filhos ou netos. E, na verdade, é um desafio que é possível começar durante boa parte do ano.

Observe que a ideia do desafio serve como referência e você pode usar a sua criatividade, tomando como base o que temos nele, de maneira que faça o que achar mais adequado e desafiador, porém, possível de realizar! É algo simples e bem prazeroso, que vale fazer em família, envolvendo todos que moram juntos, mas você pode ser o responsável por conduzir e fazer com que essa prática seja cumprida.

Consiste em guardar pequenas quantias para transformá-las em valores consistentes ao final do ano. A cada semana, deposita-se um determinado valor, por isso o nome do desafio, pois um ano regular tem 52 semanas.

Para isso, pode-se usar uma caixa de sapato ou até mesmo um envelope, fazendo um corte como o de um cofrinho e colando a tabela do desafio na caixa ou envelope, ou mesmo botar num investimento de uma conta que você não usa muito e que deixe esse valor isolado, de forma que possa resgatar no fim do ano.

O desafio tem vários níveis e pode ser adaptado para qualquer realidade, com o objetivo de poupar a cada semana. Motive todos em casa a fazer o desafio também, estabelecendo o valor a guardar, fixo ou crescente, a fim de manter os aportes semanais.

O desafio, no nível básico, consiste em depositar R$ 1 a mais que na semana anterior. Por exemplo: 1ª semana = R$ 1, 2ª semana = R$ 2, 3ª semana = R$ 3, 4ª semana = R$ 4 e assim por diante. Dessa maneira, poupa-se e aumenta-se o valor gradativamente, o que contribui para não se perceber o peso do dinheiro poupado. Quanto mais se aproxima o fim do ano, maiores as contribuições semanais, que chegam a R$ 52 na 52ª semana do ano. Ao final, totaliza-se a economia de R$ 1.378.

A cada aporte feito, é marcado um "X" ou "OK" na linha correspondente ao valor/semana ou pode indicar a data em que o dinheiro foi colocado na caixa ou envelope. Vale escolher um dia fixo da semana para fazer os aportes, a fim de não se esquecer de guardar o valor, de repente já anota o lembrete na agenda ou no celular.

Caso seja do interesse, pode aumentar o grau do desafio, aplicando as regras do nível 2, que seria R$ 2 a mais a cada semana (2, 4, 6, 8, 10...). O desafio tem vários níveis e oferece diferentes dinâmicas, possibilitando que se criem alternativas adequadas de poupar conforme a realidade de quem se propõe a realizá-lo. O ideal é utilizar o nível efetivamente dentro das condições de cada pessoa ou família.

É sempre importante reforçar que a disciplina é essencial para se chegar ao fim desse desafio e também que é possível iniciá-lo em qualquer semana do ano, bastando, para isso, fazer o primeiro aporte maior, com o valor equivalente ao que estaria acumulado até então por quem tenha começado o desafio desde a primeira semana.

E não se prenda a pensamentos como de que na caixinha não está rendendo nada, porque o objetivo do desafio é fortalecer ou criar o hábito de poupar, e não buscar rentabilidade. Para salvar a tabela do desafio, ou mesmo assistir ao vídeo explicativo sobre ele, você pode acessar www.desafiodas52semanas.com.br

Segue firme na jornada e comece já o seu desafio, não deixe para depois, pois certamente esse será mais um ano que milhares e milhares de pessoas estarão cumprindo ele, e com isso tendo esse plus no final do ano, além, claro, do hábito de poupar recorrente.

Te desejo um ano de muita saúde, conquistas e realizações!

 


Divulgação
Leandro Trajano - colunista - FOTO:Divulgação

Comentários

Últimas notícias