COLUNA MOBILIDADE

Gargalo do trânsito na Avenida Caxangá, no Recife, mais perto de ser resolvido

Via ganhará giro de quadra nas imediações da UPA da Caxangá, na Várzea, um dos pontos críticos do corredor de transporte e que impacta diretamente no BRT Leste-Oeste

Roberta Soares
Roberta Soares
Publicado em 27/12/2021 às 16:14
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
O governo de Pernambuco lançou licitação na semana passada para escolher a empresa responsável pelas obras, que deverão custar R$ 3,9 milhões - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

Um dos principais gargalos do mais importante corredor viário da Zona Oeste do Recife, a Avenida Caxangá ganhará uma importante intervenção de trânsito para agilizar a circulação na região, aguardada há pelo menos sete anos. Será implantado um giro de quadra nas imediações da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, na bifurcação da avenida com as Ruas Elísio Medrado e Ribeiro Pessoa, na Várzea (nos acessos aos bairros de UR-7 e a Dois Irmãos). O governo de Pernambuco lançou licitação na semana passada para escolher a empresa responsável pelas obras, que deverão custar R$ 3,9 milhões. A expectativa é reduzir a espera no semáforo de quatro tempos existente no local.

A concorrência pública e as futuras obras estão sendo coordenadas pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh). A eliminação do semáforo de quatro tempos no trecho - que gera inúmeros conflitos na área - é prevista desde a implantação do Corredor de BRT Leste-Oeste, ainda em 2014. Mas, assim como outras intervenções do corredor, essa também foi deixada em segundo plano pelo governo do Estado, que só agora conseguiu viabilizar o projeto. Na prática, serão eliminados os giros à esquerda permitidos no trecho - algo ultrapassado quando se considera a segurança viária e as ferramentas de engenharia de tráfego - e os motoristas passarão a fazer um looping de quadra (girar na quadra).

FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
RISCO Ciclistas dividem espaço com outros veículos na movimentada avenida, que é eixo viário e ligação com Zona Oeste da RMR - FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM

Segundo a Seduh, o giro de quadra será implantado na interseção das Ruas Elísio Medrado e Ribeiro Pessoa com a Avenida Joaquim Ribeiro (que é a continuação da Avenida Caxangá, na direção do município de Camaragibe). Para as pessoas se situarem, essa interseção fica localizada logo após a ponte sobre o Rio Capibaribe, no fim da Avenida Caxangá (sentido Recife-Camaragibe). As ações contemplam, ainda, intervenções nas Ruas Dr. Dustan de Carvalho Soares, Gastão Vidigal, 2ª e 3ª Travessas da Rua Ribeiro Pessoa, e a ligação dos logradouros Gastão Vidigal e Elísio Medrado na PE-005 (que é a Avenida Caxangá). O projeto contempla também a urbanização na 2ª Travessa da Rua Ribeiro Pessoa e a implantação de acessibilidade em todo o passeio. A licitação deve levar, no mínimo, três meses para ser concluída, com as obras começando ainda no primeiro semestre de 2022.

Comentários

Últimas notícias