balanço

Pernambuco registra mais 1.075 casos de coronavírus e 70 óbitos

O Estado já ultrapassou a triste marca de 100.000 casos, além das 6.828 vidas perdidas

JC
JC
Publicado em 06/08/2020 às 12:26
Notícia

LUCAS BARIOULET / AFP
Já foram mais de 100.000 pernambucanos infectados - FOTO: LUCAS BARIOULET / AFP
Leitura:

Após ultrapassar a triste marca de 100 mil casos na última quarta-feira (5), mais 1.074 novos casos da covid-19 e 70 óbitos foram registrados pela Secretaria de Saúde de Pernambuco nas últimas 24 horas. Entre os confirmados desta quinta-feira (6), apenas 79 (7,4%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Todos os outros 995 (92,6%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que já estavam curados, ou na fase final da doença. Agora, Pernambuco totaliza 101.395 pessoas que tiveram a doença, sendo 24.034 de forma grave e 77.361 de forma leve, além de 6.828 pessoas que morreram por complicações da covid-19.

TUDO SOBRE A COVID-19

» Saiba tudo sobre o novo coronavírus

» Estou com sintomas de coronavírus. O que fazer?

» Especialistas alertam sobre sintomas menos comuns do coronavírus

» Veja o que se sabe sobre a cloroquina e a hidroxicloroquina no combate ao coronavírus

» Veja locais do Recife que atendem pessoas com sintomas leves do novo coronavírus

» Vacina brasileira para o coronavírus entra em fase de testes em animais

» OMS esclarece que assintomáticos transmitem coronavírus: 'Questão é saber quanto'

Os óbitos registrados são desde o dia 8 de abril. Do total de mortes do informe, apenas 20 (28,5%) ocorreram nos últimos três dias, sendo 5 mortes registradas na quarta-feira (5), 11 mortes em 4 de agosto e 4 em 3 de agosto. Os outros 50 óbitos (71,5%) ocorreram entre os dias 8 de abril e 2 de agosto. 

Os detalhes epidemiológicos serão repassados ao longo do dia pela Secretaria Estadual de Saúde.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias