COLUNA JC SAÚDE E BEM-ESTAR

Para receber 2ª dose da CoronaVac no Recife, trabalhador da saúde da linha de frente deve agendar para ir a salas de imunização

Diferentemente da 1ª etapa, em que equipes volantes passavam pelas unidades de saúde, profissionais terão que fazer marcação (a partir desta terça, dia 9) e se dirigir a pontos de vacinação

Cinthya Leite
Cinthya Leite
Publicado em 08/02/2021 às 18:20
Notícia
RODOLFO LOEPERT/PCR IMAGEM
Na capital pernambucana, quase 18 mil doses da CoronaVac (Butantan/Sinovac) foram aplicadas em trabalhadores da saúde da linha de frente da pandemia - FOTO: RODOLFO LOEPERT/PCR IMAGEM
Leitura:

A partir desta terça-feira (9), o Recife começa o agendamento para que os trabalhadores da saúde da linha de frente da pandemia marquem o dia, horário e local para receber a segunda dose da vacina contra a covid-19. Na capital pernambucana, desde 19 de janeiro, quase 18 mil doses da CoronaVac (Butantan/Sinovac) foram aplicadas nesse público-alvo. "A partir da terça-feira, é possível fazer a marcação da segunda dose da vacina da CoronaVac. Então, quem já foi vacinado com ela pode fazer a marcação através do site ou do aplicativo do Conecta Recife”, esclareceu o prefeito João Campos.

>> Governo pede à AstraZeneca rapidez na remessa de vacinas contra covid-19

>> Covid-19: Recife amplia vacinação para todos os trabalhadores de saúde a partir de 60 anos

>> Lewandowski dá 5 dias para governo informar quem terá prioridade na vacinação

>> Covid-19: sem filas, pontos de drive-thru do Recife têm movimentação fraca para vacinar grupos prioritários

Diferentemente da primeira etapa, em que as equipes volantes da Secretaria Municipal de Saúde passavam pelas unidades de saúde, agora os profissionais terão que agendar e se dirigir a um dos nove centros de vacinação ou a um dos cinco pontos de drive-thru para receber a dose complementar. 

Os trabalhadores devem realizar o agendamento através do Conecta Recife – www.conectarecife.recife.pe.gov.br ou app disponível nas lojas PlayStore, para Android; e AppStore, para dispositivos iOS. Além da marcação, eles terão de apresentar, no dia da vacinação, o comprovante de que tomou a primeira dose.

>> Covid-19: veja a lista de doenças que estão na prioridade para a vacinação em Pernambuco

>> Vacina contra covid-19: menos de metade das doses recebidas por Pernambuco foram aplicadas

>> Guia da vacinação contra a covid-19: tire as suas dúvidas

Já no caso dos idosos que vivem nas instituições de longa permanência, assim como das pessoas a partir de 18 anos com deficiência severa que moram em residências inclusivas e dos trabalhadores desses locais, não será preciso realizar agendamento. Como aconteceu na aplicação da primeira dose, essas pessoas vão receber a visita de equipes volantes da Secretaria Municipal de Saúde que administrarão a segunda dose do imunizante.

Comentários

Últimas notícias