PESQUISA

Pernambuco aparece na liderança em atividades turísticas no Brasil

O índice foi revelado pela Pesquisa Mensal de Serviços do IBGE do mês de agosto.

Leonardo Vasconcelos
Leonardo Vasconcelos
Publicado em 15/10/2021 às 16:36
Notícia
Thiago Cavalcanti / Porto de Galinhas Convention /Divulgação
O passeio para as piscinas naturais está sendo feito com uma série de cuidados - FOTO: Thiago Cavalcanti / Porto de Galinhas Convention /Divulgação
Leitura:

Pernambuco é líder em atividades turísticas no país, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).  Foi o que revelou a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) da instituição referente ao mês de agosto que colocou o Estado no primeiro lugar no ranking nacional. Um dado que ressalta a recuperação do turismo em Pernambuco. 

Os dados da pesquisa apontou o Estado com 116,4 pontos no índice do volume das atividades turísticas, oq que representa um incremento de 3,9% com relação ao mês de julho. Segundo a pesquisa, este mês de agosto superou até mesmo meses de pré-pandemia, sendo 2,3% maior que o registrado em fevereiro do ano passado. 

No acumulado de janeiro a agosto deste ano, o Estado aparece na vice-liderança do ranking nacional, com 92,3%, atrás apenas de Goiás. Considerando apenas o Nordeste, Pernambuco é o primeiro da lista, tendo em seguida a Bahia, com 75,6%, e o Ceará, com 67,7%, no volume total dos oitos meses de 2021.

“Depois de um período de muita dificuldade devido à pandemia, vivemos um período muito positivo, com a retomada a todo o vapor. O mês de agosto já havia nos trazido números muito bons em aviação e ocupação hoteleira, com dados que agora se consolidam com a pesquisa do IBGE. Somos os primeiros do ranking nacional e isso muito nos alegra. É a prova de que, mesmo com todas as dificuldades que tivemos no turismo nos últimos anos, como o óleo nas praias e a pandemia, o trabalho que vem sendo realizado com o governador Paulo Câmara traz frutos”, afirmou o secretário de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.

Com relação ao Índice de Receita Nominal com ajuste sazonal, que é a receita bruta considerando o efeito calendário das festividades nacionais, Pernambuco obteve crescimento da ordem de 3,8% em agosto, no comparativo com julho. No acumulado anual, de janeiro a agosto, o Estado é o quarto que mais cresceu no País, com 94,4%.

 

Comentários

Últimas notícias