coluna vida fit

Corrida das Pontes do Recife adiada para dia 13 de dezembro

Corrida das Pontes foi adiada pela segunda vez em 2020 por conta da pandemia do novo coronavírus

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 01/07/2020 às 14:34
Antônio Lima/Divulgação
A Corrida das Pontes do Recife seria realizada no dia 29 de março antes da expansão da pandemia - FOTO: Antônio Lima/Divulgação
Leitura:

Por conta da pandemia do novo coronavírus a 17ª Corrida das Pontes foi adiada para o dia 13 de dezembro de 2020. A organização da prova anunciou a nova data nesta quarta-feira, após reunião com a prefeitura do Recife e com a Federação Pernambucana de Atletismo (Fepa). A prova, considerada uma das mais tradicionais de Pernambuco, seria realizada em 29 de março e faria parte da comemoração do aniversário do Recife. No entanto, a expansão da covid-19 no estado já havia adiado o evento para 26 de julho.

A pandemia no estado continua com números alarmantes de casos e óbitos e não será possível realizar o evento esportivo neste mês. Todos os anos a Corrida das Pontes reúne cerca de 7 mil atletas amadores e profissionais em uma grande festa que abre oficialmente o calendário do pedestrianismo pernambucano.

>> Prefeitura do Recife anuncia abertura de parques, praias e calçadões para exercícios físicos individuais

>> Com reabertura de parques e praias, expectativa para retomada de academias aumenta

>> 4 dicas para voltar a praticar atividades físicas após pandemia

A organização da Corrida das Pontes divulgou uma nota oficial comunicando a decisão e a nova data.

"Considerando a instabilidade do atual cenário da pandemia no Estado, onde os decretos de quarentena estão sendo postergados e não havendo, portanto, uma definição para o retorno das corridas de rua, a JJS Eventos, empresa responsável pela organização e realização da 17ª Corrida das Pontes do Recife, informa que mais uma vez a prova será adiada para o dia 13 de dezembro de 2020. A escolha da nova data para um prazo mais longo foi feita tendo em vista uma maior preocupação com a segurança dos inscritos, colaboradores, fornecedores e público em geral", diz trecho da nota.

Comentários

Últimas notícias