AGRESSÃO

Pamella Holanda ganha milhares de seguidores nas redes sociais após denunciar o ex-marido, DJ Ivis, por agressão

Através da ferramenta 'stories' do Instagram, Pamella compartilhou vídeos gravados pelo circuito interno de segurança da residência onde morava, nos quais aparece sendo violentada por DJ Ivis

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 12/07/2021 às 10:52
Notícia
Reprodução/Instagram
Pamella usou as redes sociais para denunciar a violência que vinha sofrendo - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Na noite do domingo (11), a influenciadora digital Pamella Holanda, de 27 anos, utilizou suas redes sociais para expor as agressões que vinha sofrendo do então marido, DJ Ivis. Através da ferramenta 'stories' do Instagram, ela compartilhou vídeos gravados pelo circuito interno de segurança da residência onde morava, nos quais aparece sendo vítima de violência. Nesta segunda-feira (12), a influencer utilizou novamente seu Instagram, onde já acumula 2 milhões de seguidores, para agradecer as mensagens de apoio que vem recebendo.

>> Vídeos mostram DJ Ivis agredindo a ex-mulher, Pamella Holanda

>> Famosos apoiam Pamella Holanda, que denunciou agressões de DJ Ivis

>> Zé Felipe se posiciona após divulgar música em parceria com DJ Ivis, em meio a denúncias de violência doméstica contra colega

"Eu quero e preciso agradecer todo o apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas que estou segura, eu e minha filha. E dizer também que hoje o meu choro é de alívio por ter certeza que Deus está com a gente, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir para ajudar ninguém", escreveu na mensagem.

INSTAGRAM/REPRODUÇÃO
A influenciadora digital Pamella Holanda tem uma filha de nove meses com DJ Ivis - INSTAGRAM/REPRODUÇÃO

Após a denúncia, Pamella ganhou milhares de seguidores no Instagram. Só na manhã desta segunda, das 8h30 às 10h30, foram mais de 400 mil novos seguidores, números que só sobem. Além disso, diversas celebridades, como Juliette, Giovanna Lancelloti, Pocah, Solange Almeida, Taty Girl, Xand Avião e Zé Vaqueiro, têm se posicionado a favor da influenciadora. 

>> Pamella Holanda, mulher de DJ Ivis, se pronuncia após denunciar agressões: 'Não vou me calar'

>> Saiba quem é Pamella Holanda, mulher que sofreu agressões do DJ Ivis>>

>> Quem é DJ Ivis? Flagrado em vídeo agredindo mulher é compositor de "Esquema Preferido" e outros hits do piseiro

>> DJ Ivis agride companheira e justifica violência afirmando que 'não aguentava mais ser chantageado'

A vencedora do BBB, Juliette Freire, reforçou a importância de denunciar a violência doméstica. "Por nenhuma mulher a mais silenciada, a violência não deve e nem pode nos calar. Não existe justificativa. Todo o meu apoio à Pamella e repúdio às cenas e atos de horror do DJ Ivis. Violência contra mulher é crime", escreveu no Twitter, compartilhando a mensagem também com seus mais de 30 milhões de seguidores no Instagram.

A cantora Solange Almeida, que já foi vítima de violência doméstica, também repudiou as atitudes do DJ Ivis e fez um alerta sobre a importância de denunciar os abusos cometidos no âmbito doméstico.

"Quando vi os vídeos da Pamela sendo agredida eu me vi há alguns anos passando pela mesma situação. Eu era ameaçada até com revólver na cabeça; que seria morta caso eu o deixasse. Depois de vários anos consegui enfim me libertar. Denunciei a agressão e ele nem se quer ouvido foi", afirmou. 

"Você não está sozinha. Em briga de marido e mulher se mete a colher sim. A qualquer sinal denuncie, ligue 180 e evite mais um feminicídio", publicou Solange Almeida, usando a hashtag #forçapamellaholanda. 

Em seu pronunciamento, Holanda ainda afirmou que não existe fama, dinheiro ou posição social que permita seu ex-companheiro ficar impune diante das violências.

"Eu me calei por muito tempo! Eu sofria sozinha com minha filha, sem apoio até dos que se diziam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e presenciavam tudo calados sem interferir com a desculpa que eu tinha que aguentar calada porque era o 'jeito dele', era esse o 'temperamento dele' e que se eu quisesse viver com ele teria que me sujeitar a ser submissa! Não se calem! Não se calem jamais! Eu não vou me calar", reforçou.

Em outro story, com uma fotografia em que aparece grávida, Pamella mandou uma mensagem para a filha. "Por mim e por você, minha filha. Que sentia junto comigo, antes de nascer, a angústia e o medo. Estamos salvas". Em outro texto, ela se dirige ao DJ Ivis: "Acabou a vida de video game, a vida de novela, de comercial de margarina para ganhar em cima. E você nunca foi um cara de família, até porque você não sabe o que é ser uma."

Apesar da violência explícita mostrada nos vídeos, Ivis se pronunciou sobre o assunto em seu Instagram e disse que as imagens estavam "incompletos e fora de contexto". O músico compartilhou também um boletim de ocorrência registrado por ele em que afirma que Pamella não aceitava o fim do relacionamento e "por inúmeras vezes" havia ameaçado se matar ou desaparecer com a filha deles.

Nos vídeos que publicou na rede, contudo, o artista não nega que tenha cometido as agressões. "Eu já tive que me embolar no chão com ela, com a mãe dela, com a minha empregada, pra ela não se jogar do hall do 10º andar. Vocês não sabem o que é isso. (...) Eu não aguentava mais chantagem não, cara", declarou. 

Ivis também ganhou significativo número de seguidores nas redes sociais após a denúncia, passando de 729 mil para 968 mil seguidores em menos de 24 horas. 

Íntegra do pronunciamento de Pamella:

Eu quero e preciso agradecer todo apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas que estou segura, eu e minha filha. E dizer também que hoje o meu choro é de alívio por certeza que Deus está com a gente, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir pra ajudar ninguém.

Não existe fama, status, dinheiro, posição social, contato ou influência que permita ele de ficar impune.

Eu me calei por muito tempo! Eu sofria sozinha com minha filha, sem apoio até dos que se diziam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e precisavam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e presenciavam tudo calados sem interferir com a desculpa que eu tinha que aguentar calada porque era o "jeito dele", era esse o "temperamento dele" e que se eu quisesse viver com ele, teria que se me sujeitar e ser submissa.

Não se calem!!! Não se calem jamais!!!

Eu não vou me calar!

Por mim e por você, minha filha, que é mulher, que sentia junto comigo, antes de nascer, a angústia, o medo. Estamos salvas. Estamos Salvas!!!

Acabou a vida de vídeo-game, a vida de novela, de comercial de margarina pra ganhar em cima. E você nunca foi um cara família, até porque você não sabe o que é ser uma.

O caso

Segundo informações publicadas pelo jornalista Léo Dias, do portal Metrópoles, o artista agrediu a esposa no início do mês, e teria, inclusive, ameaçado a mulher com uma faca. Na ocasião, ambos chegaram a ser levados para uma delegacia do Ceará, mas Ivis não chegou a ser preso. Conforme informações repassadas a Léo Dias por fontes não reveladas, Pamella foi à delegacia sozinha, enquanto o músico acionou seus advogados para acompanhá-lo. Por conta disso, a mulher ficou amedrontada e acabou saindo da delegacia antes de prestar depoimento e fazer o exame de corpo de delito.

No outro dia, depois de se acalmar, Pamella retornou a delegacia e fez todos os procedimentos necessários, mas o flagrante não poderia mais ser lavrado, diz o Metrópoles. No dia 4 de julho, a Justiça do Ceará teria emitido uma medida protetiva em caráter de urgência a favor de Pamella e da filha do casal, de 9 meses.

Xand encerra parceria

O cantor Xand Avião, que é sócio na empresa Vybbe, um dos maiores escritórios de agenciamento de artistas e shows do País, publicou um vídeo na noite deste domingo se solidarizando com Pamella Holanda, companheira do DJ Ivis, que foi agredida pelo artista nos primeiros dias de julho. Segundo Xand, o contrato de Ivis com a sua empresa será rompido e toda a assistência será prestada a Pamella e à filha que ela tem com o DJ, de apenas 9 meses.

"Estava vindo de Fortaleza e quando cheguei em casa fui pego por essa tempestade do caso do DJ Ivis. Uma coisa muito séria e eu não admito e nem compactuo com qualquer tipo de violência, ainda mais contra uma mulher. Nada explica isso. Quero dizer também que já designei a minha equipe inteira para falar com Pamella e ajudar a ela e à criança no que elas precisarem", afirmou o cantor.

INSTAGRAM/REPRODUÇÃO
A influenciadora digital Pamella Holanda tem uma filha de nove meses com DJ Ivis - FOTO:INSTAGRAM/REPRODUÇÃO

Comentários

Últimas notícias