Investigação

Motorista de DJ Ivis depõe sobre agressões à esposa do artista

Charles Barbosa de Oliveira, motorista do músico, está sendo investigado por suposta omissão; DJ Ivis foi filmado agredindo a esposa, na presença do motorista, que não interveio

Do jornal O Povo para a Rede Nordeste
Cadastrado por
Do jornal O Povo para a Rede Nordeste
Publicado em 13/07/2021 às 17:45 | Atualizado em 13/07/2021 às 22:06
Print de um dos episódios de violência de DJ Ivis contra Pamella Holanda, em que aparece Charles
Print de um dos episódios de violência de DJ Ivis contra Pamella Holanda, em que aparece Charles
Leitura:

Luciano Cesário

Testemunha das agressões praticadas por DJ Ivis contra a esposa Pamella Holanda, Charles Barbosa de Oliveira, motorista do músico, prestou depoimento nesta terça-feira (13), na Delegacia Metropolitana Civil de Eusébio, onde foi aberto inquérito para apurar o caso. A Polícia investiga suposta omissão do funcionário, que, mesmo presenciando os atos de violência, não procurou a Justiça para denunciar o caso.


Charles chegou à Delegacia por volta das 14 horas e foi ouvido durante cerca de duas horas. Os delegados responsáveis pelas investigações, Everardo Lima e Tarso Facó, não divulgaram o teor do depoimento. Na saída, Charles não quis falar com a imprensa.

O advogado de Charles, Robson Matta, falou com os jornalistas de forma breve. "Por morar com o DJ, ele [Charles] já presenciou algumas situações, discussões." Questionado sobre uma suposta agressão do DJ com uma tesoura, o advogado negou: "Sobre tesoura, nunca teve no sentido de agredir".

Motorista de DJ Ivis disse já ter evitado agressões

Na segunda-feira (12), o colunista Léo Dias, do site Metrópoles, divulgou áudios de Charles dizendo que, se não houvesse interferido em outras situações, "alguém já tinha morrido". O motorista confirmou que, desde que começou a trabalhar para DJ Ivis, em fevereiro, presenciou episódios de violência do artista contra a esposa.

No vídeo divulgado no domingo, porém, o motorista não demonstra reação às agressões sofridas por Pamella Holanda. A mãe do artista, que também estava presente no momento, igualmente não interferiu na violência. Pamella afirma que, no dia das gravações, só conseguiu acionar a polícia pelo celular de uma vizinha, pois Ivis quebrou seu aparelho.

Motorista de DJ Ivis não falou à imprensa

Apesar das declarações divulgadas por Léo Dias, nesta terça-feira Charles Barbosa não falou com a imprensa antes nem depois do depoimento à polícia. Ele foi acompanhado pelo advogado Robson Matta, que apenas confirmou que o motorista já havia presenciado outras agressões.

Comentários

Últimas notícias