Dinheiro

Confira os calendários e saiba se você ainda recebe o auxílio emergencial nesta semana

O benefício é pago para trabalhadores afetados economicamente durante a pandemia do novo coronavírus

JC
JC
Publicado em 03/09/2020 às 6:54
Notícia
MARCELLO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL
REAJUSTE O novo valor representa um aumento de 5,26%, ou R$ 55, em relação ao piso atual, de R$ 1.045 - FOTO: MARCELLO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL
Leitura:

Nesta quinta-feira (3), não há pagamentos ou liberações do auxílio emergencial para nenhum grupo. Sendo assim, a Caixa Econômica Federal retoma os pagamentos na sexta-feira (4), para cadastrados via site ou app e inscritos no CadÚnico nascidos em março, já no Ciclo 2 de pagamentos. Este grupo receberá o dinheiro na poupança digital da Caixa, onde poderá pagar boletos e realizar compras através do cartão virtual. Para estes beneficiários, a liberação de saques e transferências, no entanto, acontece somente a partir do dia 29 de setembro. 

No sábado (5), recebem a liberação para saques e transferências os inscritos via site ou app nascidos em setembro, cujo depósito em conta dos R$ 600 já foi feito desde o dia 17 de agosto. Este é o último pagamento da semana. 

 

Prorrogação

Agora com parcelas de R$ 300, por meio de Medida Provisória, o auxílio emergencial será prorrogado por mais quatro meses. O anúncio foi feito na manhã da última terça-feira (1º) pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

O benefício, que foi pago durante cinco meses no valor de R$ 600, agora, será reduzido pela metade. Segundo o presidente, o País não conseguiria sustentar o valor pago por mais meses.

"O valor, como vínhamos dizendo, R$ 600, é muito para quem paga, no caso, o Brasil. Podemos dizer que não é um valor suficiente para todas as necessidades, mas, basicamente, atende. Até porque o valor definido agora a pouco é um pouco superior a 50% do valor do Bolsa Família", afirmou Bolsonaro.

>>CGU arma que Brasil pode ter perdido até R$ 4 bilhões por fraudes no auxílio emergencial

>>Auxílio emergencial chegou a 30,2 milhões de domicílios em julho, diz IBGE

Beneficiários do Bolsa Família

Os pagamentos para inscritos no auxílio emergencial que já recebem o Bolsa Família seguem o calendário do próprio benefício. A data de pagamento aos beneficiários do Bolsa Família é realizada de acordo com o Número de Identificação Social (NIS), diretamente nas agências da Caixa.

Nesta terça não há pagamentos para beneficiários do Bolsa Família. Tal grupo terminou de receber a quinta parcela na segunda-feira (31). Agora, com a prorrogação do auxílio, este grupo deverá receber a sexta parcela entre os dias 17 e 30 de setembro, de acordo com o calendário já pré-determinado pelo programa.

Ciclos

O pagamento do auxílio emergencial feito pela Caixa Econômica Federal é dividido em quatro ciclos e cada ciclo é dividido em duas etapas, a primeira é quando o beneficiário recebe a quantia na poupança digital, e a segunda é quando o beneficiário pode realizar transferências e saques. Neste formato, o inscrito recebe a sua devida parcela conforme a data em que teve o cadastro aprovado. Sendo assim, sempre que um ciclo é iniciado, cada beneficiário, independente da parcela que esteja esperando, começa a receber (Veja calendários abaixo). 

Agora que a prorrogação do benefício foi aprovada, a Caixa deverá adicionar mais ciclos de pagamento ao calendário. 

Novos aprovados

O Ministério da Cidadania publicou na quarta-feira (27) no Diário Oficial da União (DOU) uma portaria com novo calendário de pagamentos do auxílio emergencial, válido para os trabalhadores que realizaram o cadastro nas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho, os que fizeram contestação do pedido de auxílio entre os dias 3 de julho e 16 de agosto e que tenha sido considerado elegível e as pessoas que receberam a primeira parcela em meses anteriores, mas tenham tido o pagamento reavaliado em agosto de 2020.

  • Inscritos nas agências dos Correios entre 8 de junho e 2 de julho começam a receber na poupança digital no ciclo 2 (de 28 de agosto a 30 de setembro), conforme a data de nascimento;
  • Trabalhadores que fizeram a contestação entre os dias 3 de julho e 16 de agosto recebem a primeira parcela também no ciclo 2 (de 28 de agosto a 30 de setembro), conforme a data de nascimento;
  • Trabalhadores que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores e tiveram o pagamento suspenso em agosto, recebem todas as parcelas restantes no ciclo 2 (de 28 de agosto a 30 de setembro), conforme a data de nascimento.

>>Confira o calendário de crédito e saque da quinta parcela do auxílio emergencial

>>Prorrogação do auxílio emergencial durante estado de calamidade pode virar lei; entenda

>>Auxílio emergencial manteve economia ativa em municípios mais pobres, diz estudo da UFPE

>>'Pode esperar que vamos pegar', diz Lorenzoni sobre quem recebeu auxílio emergencial indevidamente

>>Auxílio emergencial e isolamento social impulsionam vendas do setor de cama, mesa e banho

>>Senado aprova MP que concede auxílio emergencial a artistas

Confira o calendário do Ciclo 1

A primeira etapa do Ciclo 1 é de 22 de julho a 26 de agosto, quando os beneficiários inscritos pelo app ou site, recebem o crédito em conta. Esta etapa foi finalizada na última quarta-feira (26), com o depósito em conta dos beneficiários nascidos em dezembro. 

Já a segunda etapa do mesmo ciclo é entre os dias 25 de julho e 17 de setembro, quando há a liberação para saques e transferências. Esta é a etapa atual, veja:

Nascidos em janeiro: saque em 25/07
Nascidos em fevereiro: saque em 1/08
Nascidos em março: saque em 1/08
Nascidos em abril: saque em 8/08
Nascidos em maio: saque em 13/08
Nascidos em junho: saque em 22/08
Nascidos em julho: saque em 27/08
Nascidos em agosto: saque em 1/9
Nascidos em setembro: saque em 05/09
Nascidos em outubro: saque em 12/09
Nascidos em novembro: saque em 12/09
Nascidos em dezembro: saque em 17/09

Pagamentos deste ciclo:

- Beneficiários que fizeram a contestação entre os dias 3 de julho e 16 de agosto recebem a 1ª parcela;

- Beneficiários aprovados em junho e julho recebem a primeira parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em junho recebem a segunda parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à parcela em maio de 2020 recebem a terceira parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em abril de 2020 recebem a quarta parcela.

Confira o calendário do Ciclo 2

A primeira etapa do Ciclo 2 é de 28 de agosto a 30 de setembro, quando os beneficiários inscritos pelo app ou site, recebem o crédito em conta. Esta é a etapa de pagamentos atual. Já a segunda etapa do mesmo ciclo é entre os dias 19 de setembro e 27 de outubro, quando há a liberação para saques e transferências.

Nascidos em janeiro: depósito em 28/08 e saque em 19/09
Nascidos em fevereiro: depósito em 02/09 e saque em 22/09
Nascidos em março: depósito em 04/09 e saque em 29/09
Nascidos em abril: depósito em 09/09 e saque em 01/10
Nascidos em maio: depósito em 11/09 e saque em 03/10
Nascidos em junho: depósito em 16/09 e saque em 06/10
Nascidos em julho: depósito em 18/09 e saque em 08/10
Nascidos em agosto: depósito em 23/09 e saque em 13/10
Nascidos em setembro: depósito em 25/09 e saque em 15/10
Nascidos em outubro: depósito em 28/09 e saque em 20/10
Nascidos em novembro: depósito em 28/09 e saque em 22/10
Nascidos em dezembro: depósito em 30/09 e saque em 27/10

Pagamentos deste ciclo:

-  Trabalhadores que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores e tiveram o pagamento suspenso em agosto, receberão o pagamento de todas as parcelas restantes;

- Beneficiários aprovados nas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho recebem a 1ª parcela;

- Beneficiários aprovados em junho e julho recebem crédito e saque da 2ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em junho recebem crédito e saque da 3ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em maio de 2020 recebem crédito e saque da 4ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em abril de 2020 recebem crédito e saque da 5ª parcela.

Confira o calendário do Ciclo 3

A primeira etapa do Ciclo 3 é de 9 de outubro a 13 de novembro, quando os beneficiários inscritos pelo app ou site, recebem o crédito em conta. Já a segunda etapa do mesmo ciclo é entre os dias 29 de outubro e 19 de novembro, quando há a liberação para saques e transferências.

Nascidos em janeiro: depósito em 09/10 e saque em 29/10
Nascidos em fevereiro: depósito em 09/10 e saque em 29/10
Nascidos em março: depósito em 16/10 e saque em 03/11
Nascidos em abril: depósito em 16/10 e saque em 03/11
Nascidos em maio: depósito em 23/10 e saque em 10/11
Nascidos em junho: depósito em 23/10 e saque em 10/11
Nascidos em julho: depósito em 30/10 e saque em 12/11
Nascidos em agosto: depósito em 30/10 e saque em 12/11
Nascidos em setembro: depósito em 06/11 e saque em 17/11
Nascidos em outubro: depósito em 06/11 e saque em 17/11
Nascidos em novembro: depósito em 13/11 e saque em 19/11
Nascidos em dezembro: depósito em 13/11 e saque em 19/11

Pagamentos deste ciclo:

- Beneficiários que fizeram a contestação entre os dias 3 de julho e 16 de agosto recebem a 2ª e a 3ª parcela;

- Beneficiários aprovados nas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho recebem a 2ª e a 3ª parcela

- Beneficiários aprovados em junho e julho recebem crédito e saque da 3ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em junho recebem crédito e saque da 4ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em maio de 2020 recebem crédito e saque da 5ª parcela.

Confira o calendário do Ciclo 4

A primeira etapa do Ciclo 4 é de 16 de novembro a 30 de novembro, quando os beneficiários inscritos pelo app ou site, recebem o crédito em conta. Já a segunda etapa do mesmo ciclo é entre os dias 26 de novembro e 15 de dezembro, quando há a liberação para saques e transferências.

Nascidos em janeiro: depósito em 16/11 e saque em 26/11
Nascidos em fevereiro: depósito em 16/11 e saque em 26/11
Nascidos em março: depósito em 18/11 e saque em 01/12
Nascidos em abril: depósito em 18/11 e saque em 01/12
Nascidos em maio: depósito em 20/11 e saque em 03/12
Nascidos em junho: depósito em 20/11 e saque em 03/12
Nascidos em julho: depósito em 23/11 e saque em 08/12
Nascidos em agosto: depósito em 23/11 e saque em 08/12
Nascidos em setembro: depósito em 27/11 e saque em 10/12
Nascidos em outubro: depósito em 27/11 e saque em 10/12
Nascidos em novembro: depósito em 30/11 e saque em 15/12
Nascidos em dezembro: depósito em 30/11 e saque em 15/12

Pagamentos deste ciclo: 

- Beneficiários que fizeram a contestação entre os dias 3 de julho e 16 de agosto recebem a 4ª e a 5ª parcela;

- Beneficiários aprovados nas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho recebem a 4ª e a 5ª parcela;

- Beneficiários aprovados em junho e julho recebem crédito e saque da 4ª e da 5ª parcela;

- Beneficiários que tiveram acesso à primeira parcela em junho recebem crédito e saque da 5ª parcela.




Comentários

Últimas notícias