COVID-19

Governo de Pernambuco proíbe eventos com mais de 10 pessoas e contrata mais de 4.700 profissionais de saúde para tentar conter coronavírus

Uma série de medidas foi anunciada nesta segunda-feira (23) pelo governador Paulo Câmara (PSB)

Rute Arruda
Rute Arruda
Publicado em 23/03/2020 às 13:10
Notícia
LEO MOTTA/ACERVO JC IMAGEM
Uso de máscaras é obrigatório em todo o Estado - FOTO: LEO MOTTA/ACERVO JC IMAGEM
Leitura:

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (23), novas medidas para tentar conter o avanço do coronavírus no Estado. Uma das medidas é a proibição de reuniões e aglomerações para grupos de mais de dez pessoas.

Além das reuniões com mais de dez pessoas, o governo proibiu o transporte de passageiros em mototáxis. No decreto, ainda foi determinada a contratação de 4.729 profissionais da área da saúde (654 médicos, 1.088 das diversas de diversas categorias de nível superior, como enfermeiros e fisioterapeuta, e 2.987 de nível técnico.) que foram aprovados no último concurso, a abertura de duas seleções públicas para a contratação de 2.747 novos profissionais, o repasse de R$ 11 milhões para a Assistência Social e Saúde. A primeira seleção pública tem previsão para 160 vagas para médicos e 1.917 vagas em outros cargos. Já a segunda irá contratar 64 médicos e 606 para profissionais como enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, biomédicos, fisioterapeutas, técnicos em enfermagem, entre outros. 

As duas seleções públicas terão seus editais publicados nesta terça-feira (24), e o resultado sairá no dia 3 de abril. As seleções terão duração de 6 meses, podendo ser prorrogadas.

Veja outras medidas anunciadas pelo Governo Estadual

>> Coronavírus: Polícia fecha lojas do Centro do Recife que insistiram em abrir após decreto estadual

>> Coronavírus: Pernambuco vai fechar todo o comércio, serviços e construção civil a partir do próximo domingo (22)

>> Governo de Pernambuco vai fechar shoppings, bares, restaurantes e comércio de praia por conta do coronavírus

>> Veja decretos do governo de Pernambuco e da prefeitura do Recife para conter avanço do coronavírus

Casos de coronavírus em Pernambuco

Segundo balanço da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) divulgado nesse domingo (22), há 37 casos confirmados da covid-19 em Pernambuco, 310 sob investigação, três casos considerados prováveis e 375 descartados. No Brasil, são 1.128, de acordo com informações repassadas pelo Ministério da Saúde no domingo (22). Das 37 pessoas diagnosticadas com a doença, 25 estão em isolamento domiciliar, nove estão internadas e três tiveram cura clínica.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Confira o mapa de casos

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Passo a passo de como lavar as mãos de forma adequada

 

Comentários

Últimas notícias