PANDEMIA

Pernambuco: Mais de 1 mil denúncias de descumprimento de medidas de distanciamento no feriadão

Segundo a SDS, a maioria das denúncias está relacionada a aglomerações

Rute Arruda
Rute Arruda
Publicado em 08/09/2020 às 18:03
CORTESIA/PROCON
SETOR Para empresários, a vacinação encerrará as medidas de restrição - FOTO: CORTESIA/PROCON
Leitura:

O feriado da Independência do Brasil levou milhares de pessoas às praias e estabelecimentos comerciais em Pernambuco. Apesar de shoppings, bares, restaurantes e comércio de praia estarem liberados, ainda é necessário seguir recomendações como, por exemplo, uso de máscara e manter o distanciamento social. No entanto, nem todas as pessoas seguiram as determinações das autoridades sanitárias e da gestão estadual.

>> Fiscalização tímida não inibiu areias lotadas de gente em Pernambuco e descumprimento de normas sanitárias

>> Expectativa é que casos voltem a aumentar, acredita epidemiologista após praias lotadas no feriadão em Pernambuco

>> Praia cheia e quase sem máscaras em Boa Viagem, no Recife, no feriado de 7 de setembro

Segundo dados da Secretaria de Defesa Social (SDS) do Estado, entre sábado (5) e segunda-feira (7), o Centro Integrado de Comando e Controle Regional registrou 1.026 chamados com denúncias de descumprimento de medidas contra o novo coronavírus. A maioria dessas ocorrências estava relacionada à aglomeração de pessoas e funcionamento irregular de bares e restaurantes.

A SDS informou, ainda, que as denúncias foram feitas por meio do número 190. O órgão reforçou que as forças de segurança pública do Estado têm reforçado a fiscalização em feriados e nos fins de semana, "a fim de coibir o descumprimento dos decretos sanitários de prevenção à covid-19". As fiscalizações são realizadas por equipes da Polícia Militar e pelo Corpo de Bombeiros em parceria com órgãos de controle urbano e de defesa do consumidor das prefeituras.

Durante as fiscalizações, os espaços que funcionam de forma irregular são orientados a fechar, e as atividades que não estão liberadas no Plano de Convivência com a covid-19 são interrompidas. Em caso de recusa em atender as determinações, os envolvidos são encaminhados a uma Delegacia de Polícia Civil.

>> Veja imagens da praia de Boa Viagem neste feriado de 7 de setembro

>> Porto de Galinhas, Litoral Sul de Pernambuco, tem domingo de sol com praia lotada

>> Com praia lotada, turistas de Porto de Galinhas recebem máscaras e álcool para higienizar as mãos 

Praias lotadas e pouco cumprimento das medidas no feriado

Durante o feriadão de 7 de setembro, o primeiro após o governo de Pernambuco liberar o comércio de ambulantes e barraqueiros nas praias, milhares de pessoas foram ao litoral. Para a realização dessas atividades, a gestão estadual determinou que algumas regras fossem cumpridas como, por exemplo, o uso de máscara obrigatório para clientes e funcionários, distanciamento mínimo de 1,5m entre as barracas e a disponibilização de álcool 70% para higienização das mãos.

A reportagem do Jornal do Commercio percorreu alguns pontos durante o feriado e flagrou o descumprimento das medidas. No Recife, a prefeitura realizou operação para conscientizar os barraqueiros e ambulantes sobre a importância de cumprir os protocolos, mas, ainda assim, as determinações não foram seguidas por alguns desses comerciantes. Ao menos três barraqueiros foram notificados com multa, e um ambulante foi suspenso temporariamente. Além disso, poucos banhistas usaram máscara e descumpriram o distanciamento social.

Em Porto de Galinhas, no Litoral Sul do Estado, a faixa de areia e o comércio no Centro estavam lotados. No município, mais de 2,5 mil máscaras foram distribuídas entre os banhistas e comerciantes.

Na avaliação da médica epidemiologista Ana Brito, pesquisadora da Fiocruz Pernambuco, nos próximos dias o comportamento adotado no feriadão será refletido em números. "A expectativa é que, daqui a 5 dias, volte a aumentar o número de casos. De 10 a 14 dias, podem aparecer as formas moderadas e graves da covid-19. O vírus ainda circula", alertou.

Comentários

Últimas notícias