IPUTINGA

Tentativa de assalto a carro-forte em estacionamento de supermercado no Recife deixa vigilantes feridos

Criminosos trocaram tiros com vigilantes e atearam fogo em veículo, mas fugiram sem conseguir levar nada

Amanda Azevedo
Amanda Azevedo
Publicado em 05/11/2020 às 20:11
Notícia

MARCONI MEIRELES/CORTESIA
Ocorrência foi registrada nesta quinta-feira (5) - FOTO: MARCONI MEIRELES/CORTESIA
Leitura:

Com informações de Michael Carvalho, da TV Jornal

Atualizada às 21h18

Criminosos tentaram assaltar um carro-forte e atearam fogo em um veículo no estacionamento de um supermercado no bairro da Iputinga, Zona Oeste do Recife, nesta quinta-feira (5), por volta das 18h. Três vigilantes ficaram feridos na troca de tiros com o grupo, que conseguiu fugir.

Os criminosos, que estavam em um carro, teriam aguardado no estacionamento a entrada do carro-forte. Assim que o veículo chegou, eles atearam fogo em um carro para bloquear a passagem e colocaram explosivos no para-brisa do carro-forte, mas o motorista acelerou. Em seguida, o grupo iniciou uma troca de tiros e fugiu, sem conseguir levar nada. "Houve uma troca de tiros muito intensa, envolvendo também os vigilantes do supermercado. Nos passaram que foram de quatro a cinco homens, mas acredito que foram mais", explicou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Empresas de Transporte de Valores e Escolta Armada de Pernambuco (Sindfort-PE), Cláudio Mendonça, à TV Jornal.

MARCONI MEIRELES/CORTESIA
Carro incendiado no estacionamento do supermercado - MARCONI MEIRELES/CORTESIA
MARCONI MEIRELES/CORTESIA
Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o incêndio no carro - MARCONI MEIRELES/CORTESIA
MARCONI MEIRELES/CORTESIA
Os explosivos colocados no carro-forte foram desativados pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PM - MARCONI MEIRELES/CORTESIA

Vigilantes feridos

Dos três vigilantes feridos na troca de tiros, um é empregado da empresa de transporte de valores. Ele foi atingido por um tiro na perna e encaminhado ao Hospital Getúlio Vargas (HGV), no Cordeiro, Zona Oeste da cidade. Os demais são funcionários do supermercado. Um deles sofreu um tiro de raspão no braço foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, também na Zona Oeste, mas já foi liberado. O outro vigilante, com ferimento por tiro na mandíbula, foi conduzido à UPA da Caxangá e transferido para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, área central da cidade. Ainda não há informações sobre o estado de saúde.

Carros queimados e explosivos desativados

Logo após a fuga dos criminosos, funcionários e clientes do supermercado, muito assustados, foram mantidos por um tempo dentro do estabelecimento pela Polícia Militar. As entradas do supermercado, uma delas na BR-101, ficaram fechadas. Os explosivos colocados no carro-forte foram desativados pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PM.

O veículo queimado no estacionado, um Prisma de cor bege, sofreu perda total segundo o Corpo de Bombeiros, acionado às 18h30. Um outro carro, modelo Creta, que teria sido utilizado na fuga dos criminosos, foi encontrado em chamas pela corporação na Rua João Martins de Ataíde, nas proximidades da Praça Bom Pastor, também na Iputinga.

 

Seja um assinante JC.

Assine o JC com planos a partir de R$ 1,90 e tenha acesso ilimitado a todo o conteúdo do jc.com.br, à edição digital do JC Impresso e ao JC Clube, nosso clube de vantagens e descontos que conta com dezenas de parceiros.

Assine o JC

Comentários

Últimas notícias