COMBATE AO CORONAVÍRUS

Covid-19: Fernando de Noronha fecha porto no Ano Novo para evitar aglomeração

Arquipélago registrou 328 contaminações até hoje

Thalis Araújo
Thalis Araújo
Publicado em 29/12/2020 às 19:50
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Atividades turísticas no Porto de Santo Antônio estão proibidas - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Por causa da pandemia provocada pela covid-19, o Porto de Santo Antônio, no Arquipélago de Fernando de Noronha, estará fechado durante o Ano Novo para evitar aglomerações. Assim, estarão suspensos os passeios turísticos com ou sem fins lucrativos, bem como operações de mergulho e quaisquer outras que não sejam de carga e descarga ou manutenção de embarcações.

>> Veja restrições em todas as praias do litoral de Pernambuco para o Ano Novo

A decisão foi divulgada nesta terça-feira (29) pela administração da Ilha, juntamente com a Diretoria Administrativa e Financeira e a Gestão Portuária, e as operações estarão suspensas a partir das 12h da quinta-feira (31), retornando às 12h da sexta (1º). O porto estará fechado para embarque e desembarque de passageiros.

Por meio de nota, a administração destacou que "a medida deverá ser atendida por todos, sem exceção, sendo sabido que serão punidas conforme a legislação".

>> Mesas, cadeiras e toldos proibidos na orla de Boa Viagem para o Ano Novo no Recife; veja outras restrições

>> Comércio de bebidas e comidas será proibido no Ano Novo em Jaboatão dos Guararapes

A decisão tem como base o decreto estadual nº 49.891/2020, publicado no último dia 8, que proíbe festas de fim de ano em todo o Estado de Pernambuco, com ou sem vendas de ingressos.

Confira o decreto

Pandemia em Noronha

Nesta terça-feira (29) foram confirmados mais três casos de covid-19 em Noronha. Os acometidos pela doença apresentam sintomas leves e estão em quarentena. Também foram confirmadas três novas curas clínicas. Desde o início da pandemia, a Ilha registrou 328 ocorrências de contaminações, sendo 247 de infecções locais e 81 importadas. Desse total, 298 pessoas conseguiram se recuperar. 30 pacientes ainda seguem quarentena no Arquipélago, que segue sem mortes pelo novo vírus.

Comentários

Últimas notícias