REDE DE SAÚDE

Com covid-19 em alta, Pernambuco autoriza nova seleção de profissionais para a saúde

No total, novas 828 vagas em diversos níveis serão abertas pelo governo do Estado

JC
JC
Publicado em 07/01/2021 às 15:24
Notícia

WELINGTON LIMA/JC IMAGEM
Nesta quinta-feira (7), o Estado confirmou novos 1.511 casos e 32 mortes causadas pela covid-19 - FOTO: WELINGTON LIMA/JC IMAGEM
Leitura:

Um decreto assinado pelo governador Paulo Câmara (PSB), nesta quinta-feira (7), autorizou a realização de seleção pública simplificada para cargos ligados à Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). Serão selecionados 828 profissionais, distribuídos da seguinte forma: 258 médicos, 234 profissionais de nível superior e 336 técnicos de nível médio.

>> Pernambuco confirma 1.511 novos casos e 32 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas
>> "Preocupa termos hoje quase mil pacientes em UTI com sintomas de covid-19", diz secretário André Longo

De acordo com a publicação do Diário Oficial, os profissionais selecionados poderão trabalhar em uma das 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres) do Estado. O objetivo da seleção é qualificar a rede estadual para enfrentar a pandemia da covid-19. Ainda não foram divulgados detalhes da seleção.

“Seguimos com o trabalho diário de combater a pandemia do novo coronavírus. O pessoal da Saúde é fundamental nesse enfrentamento. Os profissionais que estão na linha de frente nos ajudam a salvar vidas, o que tem sido nosso maior objetivo desde então. Não vamos medir esforços para prestar a melhor assistência aos pernambucanos e pernambucanas que precisarem de atendimento”, disse o governador.

Novos leitos

Na terça-feira (5), o Estado anunciou a ativação de vinte novos leitos dedicados para o tratamento de pacientes suspeitos ou confirmados para covid-19. As vagas foram disponibilizadas nos hospitais Emília Câmara (HREC), no município de Afogados da Ingazeira, e Eduardo Campos, na cidade de Serra Talhada. Ambos inauguraram dez unidades de terapia intensiva (UTI) para pacientes graves, que precisam de internação hospitalar.

>> Com repique de casos de covid-19, Pernambuco ativa vinte novos leitos de UTI no Sertão

Em entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira (6), o Estado anunciou a decisão de reduzir a capacidade do setor de eventos para no máximo 150 pessoas. Também foi comunicada a prorrogação da proibição de shows e festas até o fim deste mês. Ficaram vetadas festas de qualquer tipo, em restaurantes, barracas de praia, hotéis ou outros estabelecimentos, com ou sem venda de ingressos.

“Estamos monitorando diariamente o cenário epidemiológico do Estado e dotando a rede estadual de tudo que se faça necessário para acolher os casos suspeitos e confirmados do novo coronavírus. Estamos garantindo os insumos, ampliando o quantitativo de leitos e reforçando permanentemente o quadro de recursos humanos. Essa é uma determinação do governador Paulo Câmara, que tem autorizado as seleções necessárias para manter os serviços atuando e aptos a prestar a devida assistência neste que é o maior desafio da saúde pública dos últimos 100 anos”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.


Convocações

Atualmente, outra seleção, com 60 vagas para médicos intensivistas, está em curso no Estado. Do total de vagas, 44 são destinadas para profissionais que desejam trabalhar com o público adulto e outras 16 para quem quer atender o público pediátrico. As inscrições estão abertas até o domingo (10), o edital está disponível no site da Secretaria de Saúde do Estado

De acordo com o governo estadual, cerca de 3,3 mil profissionais que já haviam sido aprovados em concurso público da SES-PE já foram convocados desde o primeiro semestre de 2020. Em dezembro o Estado convocou 949 profissionais aprovados por meio de uma seleção pública simplificada que tinha como objetivo qualificar a rede de assistência aos pacientes com quadros suspeitos ou confirmados da covid-19, além do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-PE).

Os profissionais selecionados estão sendo convocados para atuar na Região Metropolitana do Recife (RMR) – área de abrangência da I Gerência Regional de Saúde (Geres) – e também na II Geres (sede em Limoeiro), IV Geres (Caruaru), V Geres (Garanhuns) e VII Geres (Salgueiro).

REUTERS / Lindsey Wasson
Nesta quinta-feira (7), o Estado confirmou novos 1.511 casos e 32 mortes causadas pela covid-19 - FOTO:REUTERS / Lindsey Wasson

Comentários

Últimas notícias