CRIME

Paróquia em Paulista é obrigada a suspender ações de solidariedade após roubos

Prejuízo é estimado em mais de R$ 10 mil reais após ação de bandidos

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 03/05/2021 às 14:25
Notícia
Reprodução/Google Street View
A paróquia fica localizada no município de Paulista, no Grande Recife - FOTO: Reprodução/Google Street View
Leitura:

Os fiéis da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, no bairro de Paratibe, em Paulista, Região Metropolitana do Recife (RMR), estão revoltados após os três aparelhos de ar-condicionado do templo terem sido furtados. De acordo com o padre Carlos Eduardo, responsável pela paróquia, os equipamentos de refrigeração de ambiente foram levados na madrugada do último sábado (1º). Sem os ares-condicionados, a paróquia, envolvida com projetos sociais na comunidade, terá que suspender as ações de solidariedade para arrecadar fundos e comprar novos equipamentos.

"Não respeitam mais os lugares sagrados. Teremos que suspender a compra de alimentos para o sopão que distribuímos pra mais de 800 pessoas por dia", disse o sacerdote, indignado com a situação.

Segundo o religioso, é a quarta vez que a igreja é alvo de furtos. "Quando fomos ligar os ar-condicionados, não funcionaram. Achamos que era problema na fiação, entramos em contato com o técnico e depois pensamos que alguém pudesse ter levado as condensadoras que ficam do lado de fora. Os equipamentos estavam afixados há mais de 5 anos", contou.

O prejuízo é estimado em mais de R$ 10 mil reais. Cada máquina à época custou R$ 2,5, com a instalação de todos vai custar em torno de R$ 10 mil. Eles forçaram tanto que, ao puxar a fiação, também danificaram a parte de dentro", disse.

"Uma ação criminosa dessa deixa prejuízos, porque talvez não vamos fazer o reparo de imediato, já que temos outras prioridades. Primeiro, vamos cuidar delas e tentar manter a nossa ação social. Infelizmente, a gente fica esperando o que vão levar agora", desabafou o pároco.

Representantes da igreja solicitam à população de Paulista e região que comunique à polícia diretamente caso saiba de algum suspeito vendendo ar-condicionados de segunda mão. Boletim de ocorrência foi registrado no domingo (2).

Por nota, a Polícia Civil de Pernambuco informou que recebeu a ocorrência pela Delegacia de Plantão de Paulista, que as investigações foram iniciadas e seguem até completa elucidação dos fatos.

Comentários

Últimas notícias