REQUERIMENTO

Vereadora do Recife quer que Paulo Câmara ressarça bares e restaurantes fechados no Carnaval

Para parlamentar, apesar de necessárias, as medidas de restrições adotadas pelo governo de Pernambuco agravam as condições já fragilizadas de um setor que foi profundamente impactado pela pandemia

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 23/02/2021 às 8:16
Notícia

DIVULGAÇÃO/CMR
Cida Pedrosa (PCdoB), vereadora do Recife - FOTO: DIVULGAÇÃO/CMR
Leitura:

Prestes a ser votado pela Câmara Municipal do Recife (CMR) nesta terça-feira (23), um requerimento da vereadora Cida Pedrosa (PCdoB) solicita ao governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), o ressarcimento financeiro aos bares, restaurantes, lanchonetes e demais estabelecimentos comerciais do bairro do Recife Antigo, que foram fechados a partir das 20h da sexta-feira (12) até as 6h da segunda-feira (15) em decorrência de um decreto do chefe do Executivo estadual para evitar aglomerações no Carnaval 2021 e tentar frear os números da pandemia de covid-19.

Na justificativa do requerimento, que havia sido protocolado em 11 de fevereiro, a comunista afirma que, apesar de necessárias para conter a disseminação do coronavírus, as medidas de restrições adotadas pelo governo de Pernambuco agravam as condições já fragilizadas de um setor que foi profundamente impactado pela pandemia.

"Essas ações são fundamentais para conter o avanço do contágio, mas trazem consequências desastrosas para os empresários, especialmente os de pequeno porte, que lutam para manterem os seus negócios em funcionamento, e também o sustento de suas famílias, e de tantos trabalhadores que atuam no setor", argumenta a parlamentar.

Ordem do dia

O requerimento de Cida Pedrosa deve ir à apreciação dos vereadores por volta das 10h desta terça-feira, quando os parlamentares também devem debater sobre outras iniciativas, como requerimentos para pavimentação de ruas, limpezas de canais e votos de aplauso. Além do requerimento que pode proibir o uso de patentes militares entre servidores da Câmara.

Comentários

Últimas notícias