SEXUALIDADE

CÓLICA MENSTRUAL: A masturbação pode ajudar no alívio das cólicas? Veja o que diz especialista e conheça esse e outros benefícios da prática

A masturbação ajuda no relaxamento do útero e na liberação de hormônios do prazer, como endorfina e dopamina

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 11/05/2022 às 20:32 | Atualizado em 11/05/2022 às 20:34
Deon Black/Pexels
A masturbação traz benefícios que podem aliviar as dores das cólicas menstruais - FOTO: Deon Black/Pexels
Leitura:

A cólica menstrual atinge, aproximadamente, 50% das mulheres durante o ciclo, em alguma fase da vida. Das mais leves às mais fortes, que podem levar até mesmo as mulheres ao hospital em busca de um alívio, a cólica se caracteriza pela dor no baixo ventre.

A dor é provocada pela liberação de prostaglandina, o que faz o útero contrair para eliminar o endométrio. Ou seja, a dor da cólica é causada porque o útero está fazendo movimentos para expulsar a menstruação, quando o óvulo não é fecundado.

Além disso, a cólica também pode ser causada por alterações patológicas do aparelho reprodutivo, como endometriose, miomas, tumores pélvicos e fibromas, que causam a liberação de prostaglandina.

Para aliviar as dores das cólicas menstruais e os sintomas, muitas mulheres recorrem à analgésicos, compressas quentes na região e outros tratamentos com acompanhamento médico. Mas, você sabia que a masturbação pode ser uma importante aliada no combate às dores?

Para além de gerar bem-estar, a masturbação pode estar relacionada com o relaxamento da musculatura pélvica e outros benefícios para a saúde da mulher. A obstetriz especialista em saúde íntima, Mariana Betioli, explica como esse fenômeno acontece:

“Durante o orgasmo, o útero também contrai, mas relaxa totalmente em seguida. E esse relaxamento é um dos responsáveis pelo alívio das cólicas. O outro é a ação dos hormônios no organismo. Durante o orgasmo, o corpo libera ocitocina, endorfina e dopamina, que vão promover uma sensação de bem-estar e relaxamento”, comenta, em entrevista à colunista Mayumi Sato, da Universa.

Segundo a especialista, as dores mais intensas de cólicas podem não cessar após o relaxamento promovido pela masturbação, mas deve ser aliviado. “Alguns estudos relatam que a masturbação é eficaz para o alívio da cólica menstrual em 90% das mulheres”, comenta.

Outros benefícios da mastubarção feminina

Betioli chama atenção para um dos tabus sobre o período menstrual: o aumento da libido. Durante o ciclo, muitas mulheres acabam se privando do sexo e da masturbação por causa do sangue, mas ela garante que há mais benefícios em jogo do que fatores contra a prática sexual no período.

Uma das alternativas é forrar a sua cama com uma toalha ou lençol que você não se importe de manchar de sangue, antes do sexo. Mas, já existem alternativas para manter a atividade sexual sem fazer bagunça com o sangue.

Algumas empresas já disponibilizam o disco menstrual, um tipo de coletor que é colocado no fundo da vagina e mantém o sangue coletado. O formato em disco e não em copo permite que a mulher se masturbe, use brinquedos eróticos e até mesmo tenha sexo com penetração, sem haver vazamento de sangue.

“A masturbação promove uma sensação de bem-estar, melhora o humor, a autoestima, a concentração, diminui o estresse e a ansiedade, ajuda a melhorar o sono e fortalece nosso sistema imunológico”, relembra Mariana. “Quanto mais a mulher se conhecer e sentir prazer, mais desejo ela vai ter, ou seja, aumenta a libido”, conclui.

*Com informações do Portal Drauzio Varella.

Comentários

Últimas notícias