Clássico das Emoções

Em decisão, técnicos do Náutico e Santa Cruz duelam pela quarta vez

Dal Pozzo e Milton Mendes já se enfrentaram três vezes por Náutico e Santa Cruz, respectivamente

Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 24/08/2019 às 10:31
Notícia
Fotos: JC Imagem
Dal Pozzo e Milton Mendes já se enfrentaram três vezes por Náutico e Santa Cruz, respectivamente - FOTO: Fotos: JC Imagem
Leitura:

O Clássico das Emoções deste sábado vai reunir um duelo particular no banco de reservas. Mais uma vez Gilmar Dal Pozzo e Milton Mendes se enfrentam defendendo as cores do Náutico e Santa Cruz, respectivamente. Será o quarto encontro entre os treinadores. Precisando da vitória para conseguir a classificação às quartas de final da Série C, o comandante coral aposta no retrospecto favorável. Com 100% de aproveitamento, foram três vitórias em três jogos contra o rival.

O primeiro capítulo do confronto entre os treinadores aconteceu em 2016. Pela pela semifinal do Campeonato Pernambucano, o Santa Cruz levou a melhor e venceu os dois jogos contra o Náutico: 3x1 no Arruda e 2x1 na Arena de Pernambuco. Gilmar Dal Pozzo já vinha de um trabalho no Náutico desde a temporada anterior, quando por pouco não conquistou o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro, mas não suportou o revés para o rival e acabou sendo demitido após a eliminação.

Na oportunidade, Milton Mendes também estava em sua primeira passagem comandando o Santa Cruz. Naquele ano, o treinador ajudou o time tricolor a conquistar os títulos do Campeonato Pernambucano e da Copa do Nordeste. No segundo semestre, iniciou bem a disputa da Série A, mas acabou sendo demitido ao longo da competição e viu o Santa Cruz ser rebaixado para a Segunda Divisão.

Já na Série C deste ano, no primeiro turno, os treinadores voltaram a se enfrentar e Milton Mendes novamente levou a melhor. No Arruda, o Santa Cruz venceu o Náutico por 1x0, em um cenário completamente diferente do que será o Clássico das Emoções deste sábado.

Se o retrospecto contra o técnico tricolor é negativo, Gilmar Dal Pozzo aposta na invencibilidade nos Aflitos e na condição confortável que o time alvirrubro chega para o confronto. Sob o comando do técnico Gilmar Dal Pozzo, o Náutico tem bons números. São 15 partidas no total, com nove vitórias, três empates e três derrotas. Como mandante, o time alvirrubro ainda não perdeu. Foram cinco vitórias e dois empates em sete jogos disputados.

TRICOLOR

Por outro lado, com Milton Mendes, o Santa Cruz conseguiu vencer apenas uma vez longe de seus domínios, mas tem se recuperado na competição. Sem perder há quatro partidas, o Santa Cruz conseguiu reagir na Série C para chegar vivo na última rodada. Caso consiga repetir o bom retrospecto contra o Náutico de Gilmar Dal Pozzo, Milton Mendes aumenta a chance de avançar de fase, já que dependeria apenas de um tropeço do Imperatriz ou do Confiança.

"Jogar contra uma equipe como o Náutico, que está com o emocional tranquilo, vai ser difícil, nós sabemos. Eu sei do poderio das equipes do Gilmar Dal Pozzo, é um treinador que eu admiro muito, além de ser um homem que eu gosto muito como pessoa, conheço sua família já de muito tempo, desde que ele foi jogador do Marítimo, então acredito que será um jogo difícil, porém nós temos as nossas fichas para jogar e vamos colocá-las em campo", comentou Milton Mendes.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias