COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

Seleção de alunos novatos para Colégio de Aplicação da UFPE ainda sem data para ocorrer

Serão 60 vagas para o 6º ano do ensino fundamental. Mas cenário da pandemia de covid-19 faz com que comissão organizadora opte por esperar mais um tempo para lançar edital

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 19/02/2021 às 11:27
Notícia

André Nery
Colégio deve abrir 60 vagas para o 6º ano do ensino fundamental - FOTO: André Nery
Leitura:

Não há previsão, ainda, de quando será lançado o edital para seleção de alunos novatos do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). A quantidade de vagas deve permanecer a mesma, 60, para o 6º ano do ensino fundamental, sendo 30 para egressos de escolas públicas. Devido à pandemia de covid-19, a comissão organizadora do concurso não sente segurança, neste momento, para realizar a seleção.

Segundo o diretor do Aplicação, Erinaldo do Carmo, o edital está pronto desde janeiro. Porém a aplicação das provas depende do cenário do novo coronavírus no Estado. "Precisamos de mais informações sobre o que as autoridades sanitárias vão decidir sobre vacinação para tomar a decisão de quando realizaremos as provas. Por enquanto, vamos manter o edital suspenso. Só será publicado quando tivermos mais garantias de como estará a pandemia mais adiante", explica Erinaldo.

O diretor diz que são necessários cerca de 200 servidores e terceirizados para aplicar as provas, que em outros anos aconteceram sempre em dias de domingo. Em média, observando as últimas seleções, houve 1.800 candidatos inscritos.

Erinaldo informa que a previsão é iniciar o ano letivo de 2021, no Colégio de Aplicação, em abril. Por isso, ressalta, ainda há tempo para lançar o edital em março e fazer o concurso até o começo das aulas.

Por conta da pandemia, a comissão organizadora da seleção decidiu que não haverá prova de redação. O anúncio foi feito em outubro do ano passado. Estão mantidos testes de português e matemática, cada um com 15 questões objetivas.

Com a retirada da redação, o tempo da seleção vai diminuir em meia hora, ficando, portanto, com 3h de duração. A justificativa para não ter a redação é reduzir o tempo de permanência dos estudantes nas salas de aplicação da seleção, segundo o diretor do colégio.

Também porque a equipe de avaliadores leva em média 30 dias apenas para corrigir os textos. Sendo apenas as provas objetivas, o resultado será divulgado mais rapidamente.

Comentários

Últimas notícias