COLUNA MOBILIDADE

Cais José Estelita, no Recife, vai ganhar rota permanente de bicicleta. Conheça o projeto

Emenda do deputado federal Felipe Carreras garantiu R$ 750 mil para a ciclofaixa. Valor cobrirá parte do projeto, que também será custeado como ação mitigadora do Novo Recife

Roberta Soares
Roberta Soares
Publicado em 01/07/2021 às 12:36
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
A Rota José Estelita terá 4,8 quilômetros de extensão e comporá a reurbanização promovida no Cais, prevista no Projeto Novo Recife, que prevê, inclusive, a derrubada do Viaduto das Cinco Pontas - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

O Recife vai ganhar uma ciclofaixa permanente no Cais José Estelita, principal ligação da Zona Sul da capital com o Centro e uma área conhecida pela aridez para quem pedala. A Rota José Estelita, como está sendo chamado o equipamento, será viabilizada graças a uma emenda do deputado federal Felipe Carreras (PSB), que garantiu R$ 750 mil para o projeto. O valor cobrirá parte do projeto, que também será custeado como ação mitigadora do Novo Recife, empreendimento imobiliário que está sendo construído no cais.

A Rota José Estelita terá 4,8 quilômetros de extensão e comporá a reurbanização promovida no Cais, prevista no Projeto Novo Recife, que prevê, inclusive, a derrubada do Viaduto das Cinco Pontas, uma barreira para a cidade. A licitação para implantação do novo equipamento estaria prevista para ser lançada em agosto e, segundo os argumentos da PCR para viabilizar os recursos, está a expectativa de redução em 20% da circulação de veículos automotores e do custo da população com transporte. Além, é claro, de estimular a mudança de comportamento dos condutores com diferentes modais e diminuir a emissão de gás carbônico na atmosfera.

Confira o especial O EXEMPLO DE FORTALEZA

Confira o especial ELES SÓ QUERIAM PEDALAR

Foto: divulgação
Segundo os argumentos da PCR para viabilizar os recursos, está a expectativa de redução em 20% da circulação de veículos automotores e do custo da população com transporte. Além, é claro, de estimular a mudança de comportamento dos condutores com diferentes modais e diminuir a emissão de gás carbônico na atmosfera - Foto: divulgação

"A Rota José Estelita possibilitará maior mobilidade urbana e de trânsito numa área de grande volume de transportes, possibilitando a expansão e requalificação dos sistemas de mobilidade urbana com soluções acessíveis, sustentáveis e compatíveis com as características locais e regionais, priorizando os modos de transporte público coletivo e os não motorizados", diz

Foto: Guga Matos/JC Imagem
Cais José Estelita integra uma das rotas da Ciclofaixa Móvel de Turismo e Lazer, montada apenas aos domingos e feriados - Foto: Guga Matos/JC Imagem
Foto: JC Imagem
A licitação para implantação do novo equipamento estaria prevista para ser lançada em agosto - Foto: JC Imagem

Para quem não sabe, a ciclomobilidade não só da capital, mas de Olinda e Jaboatão dos Guararapes, por exemplo, ganharam muito com a gestão de Carreras à frente das pastas de Turismo do Recife e do Estado. Foi Carreras quem viabilizou, ainda na primeira gestão do prefeito Geraldo Julio, as Ciclofaixas Móveis (dos domingos e feriados) e o sistema Bike PE, ainda com a pernambucana Serttel.

A Rota José Estelita está dentro da meta do prefeito João Campos (PSB) de ampliar em 100 quilômetros a malha cicloviária da capital nos quatro anos de gestão. Até agora, implantou 10 quilômetros.

PREFEITURA

Por nota, a Prefeitura do Recife não deu muitos detalhes do projeto. Informou que os R$ 750 mil da emenda cobrirão apenas parcialmente a Rota José Estelita. Que a obra será custeada também como ação mitigadora do projeto imobiliário Novo Recife, além de recursos municipais. Ainda segundo a PCR, um estudo técnico para a rota está sendo analisado e que o início das obras está atrelado à abertura de processo licitatório, conforme requer a legislação.

Comentários

Últimas notícias