EDUCAÇÃO

Por causa do coronavírus, Pernambuco determina suspensão das aulas em escolas e universidades de todo o Estado

O governo decretou, por tempo indeterminado, a suspensão das aulas em toda a rede estadual de educação, pública e privada, a partir desta quarta-feira (18)

Amanda Azevedo
Amanda Azevedo
Publicado em 16/03/2020 às 22:35
Notícia
KLEYVSON SANTOS/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTES
Decreto que trata da suspensão das aulas foi divulgado nesta segunda (16) - FOTO: KLEYVSON SANTOS/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTES
Leitura:

Devido ao avanço do novo coronavírus (covid-19), o governo de Pernambuco determinou, por tempo indeterminado, a suspensão das aulas em toda a rede estadual de educação, pública e privada, a partir desta quarta-feira (18). Nesta segunda-feira (16), a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) divulgou que há 18 infectados, incluindo uma criança de 10 anos.

>> Saiba tudo sobre o novo coronavírus

>> Coronavírus: 1º caso em criança de Pernambuco é confirmado

>> Sobe para 18 o número de casos confirmados de coronavírus em Pernambuco

"Fica determinada, a partir do dia 18 de março de 2020, a suspensão do funcionamento das escolas, universidades e demais estabelecimentos de ensino, público ou privados, em todo o Estado de Pernambuco", diz trecho do decreto assinado pelo governador Paulo Câmara (PSB) nesta segunda-feira (16).

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

?? ATENÇÃO! ?? #EducacaoPE #GovernoDePernambuco #Coronavirus #RedeEstadual

Uma publicação compartilhada por Sec. de Educação e Esportes PE (@educacaopeoficial) em

Cidades como Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Ipojuca já tinham anunciado a suspensão de aulas na rede municipal.  

Novas medidas contra o coronavírus

Além da suspensão das aulas, o governador Paulo Câmara anunciou, em entrevista coletiva na noite desta segunda-feira (16), no Palácio do Campo das Princesas, novas medidas sanitárias para diminuir o contágio do coronavírus. Ficou acertado que haverá a higienização dos coletivos após todas as viagens realizadas, triplicando o número de limpezas feitas atualmente. O governo informou que estações e terminais também serão higienizados frequentemente. 

Leia a íntegra do decreto:

Decreto do governo de Pernambuco de Jornal do Commercio

 Casos confirmados de coronavírus em Pernambuco

A SES-PE informou, nesta segunda-feira (16) que já foram confirmados laboratorialmente, pelo Instituto Evandro Chagas (Pará) e Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), 18 casos do novo coronavírus em Pernambuco.

"Ao todo, foram notificados, entre o dia 25 de fevereiro e a manhã desta segunda-feira (16), 183 casos suspeitos para covid-19, com as 18 confirmações, três prováveis (pessoas investigadas que tiveram contato próximo ou domiciliar com caso confirmado), 81 descartados e outros 81 ainda em investigação. Entre os 18 casos confirmados, 4 são de pessoas que tiveram contato com confirmados, o que configura transmissão local do vírus. Até o momento, não há transmissão comunitária em Pernambuco, ou seja, o vírus não está circulando na sociedade sem conhecimento da sua origem. Está restrito e circulando em um grupo determinado de pessoas", diz o boletim divulgado pelo órgão.

Casos confirmados do novo coronavírus no Brasil ultrapassam 230

Os casos confirmados do novo coronavírus alcançaram 234 nesta segunda-feira (16), segundo a atualização divulgada pelo Ministério da Saúde. É mais do que o dobro de três dias atrás. Na sexta-feira (13), o total passou de 100 pela primeira vez e agora já ultrapassa os 200. Nesse domingo (15), o balanço registrou 200 pessoas infectadas.

Prevenção

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

  • Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1. 

Pandemia

Nessa quarta-feira (11), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o novo coronavírus (covid-19) como uma pandemia. Uma doença infecciosa é considerada uma pandemia quando sua disseminação sai do controle e se espalha por uma região geográfica ou mesmo por todo o planeta, afetando uma grande quantidade de pessoas. Mais de 118 mil pessoas foram infectadas em 114 países. Ao todo, mais de 4.300 mortes foram registradas.

Coronavírus pelo mundo

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias