VIOLÊNCIA

Ao menos oito homicídios foram registrados no Grande Recife nas últimas 24 horas

Deste quantitativo de homicídios, dois aconteceram na capital; os demais foram registrados em Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Olinda e Cabo de Santo Agostinho

JC
JC
Publicado em 20/01/2021 às 10:22
Notícia
Reprodução/TV Jornal
UM DOS CRIMES ACONTECEU NA RUA ELÁDIO CAMBOIM, NA LINHA DO TIRO, ZONA NORTE DO RECIFE - FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

As últimas 24 horas foram de violência no Grande Recife. Isso porque ao menos dois homicídios foram registradas pela polícia só entre a terça-feira (19) e a quarta-feira (20) no Recife, e outros seis na Região Metropolitana.

Na Linha do Tiro, Zona Norte do Recife, um rapaz identificado como Diogo Vilas Boas da Silva foi morto a tiros quando digitava no celular. O crime aconteceu na rua Eládio Camboim. De acordo com a polícia, a vítima estava em uma calçada no local por volta das 19h quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. A dupla desceu do veículo, efetuou disparos de arma de fogo e fugiu. 

Investigações iniciais apontam que Diogo já sofria ameaças recorrentes por conta de dívidas de drogas. Além disso, ele respondia por crime previsto na lei Maria da Penha e usava tornozeleira eletrônica. O corpo do rapaz foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e a Polícia Civil conduzirá o caso. 

Já no bairro do Arruda, também na Zona Norte, um jovem foi assassinado próximo a um conjunto residencial. O homicídio aconteceu na rua Zeferino Agra, onde a vítima, identificada como Rafael Alexandre Rodrigues Lins, de 18 anos, foi baleada. Segundo informa a polícia, o rapaz foi alvejado por tiros e teria tentado se proteger na lateral do condomínio, mas não conseguiu. 

Reprodução/TV Jornal
O HOMICÍDIO ACONTECEU DENTRO DO CONJUNTO HABITACIONAL SANTO ANTÔNIO, NA RUA ZEFERINO AGRA, NO ARRUDA - Reprodução/TV Jornal

O Instituto de Criminalística esteve no local do homicídio para realizar perícia. "Nós percebemos que a vítima se deslocava através desta viela, próxima desse condomínio, e foi atingida por trás por três disparos de arma de fogo, no glúteo, na parte posterior da cabeça e no tórax", revelou o perito Victor Sá Leitão.

O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) investiga a motivação e autoria do assassinato. O tráfico de drogas na região pode ter ligação com o crime. De acordo com a delegada Vilaneida Aguiar, a viela em que o jovem foi encontrado serviria como ponto de venda de drogas. "Esse beco onde ele se escondia nós tivemos a informação de que seria um local com intensa movimentação de tráfico de drogas", disse. 

Uma outra pessoa que estava no local também teria sido baleada, mas foi socorrida e levada para a policlínica na Campina do Barreto. Seu estado de saúde não foi informado. 

Grande Recife

Paulista

Em Paulista, no bairro do Fragoso, um dono de um lava-jato, identificado como Ramon Miranda de Carvalho, de 43 anos, foi assassinado na madrugada desta quarta (20). O Instituto de Criminalística (IC) recolheu o corpo da vítima nesta manhã, e, de acordo com a polícia, o homem teria sido vítima de latrocínio, roubo seguido de morte. 

Reprodução/TV Jornal
O CRIME ACONTECEU NO BAIRRO DO FRAGOSO, EM PAULISTA - Reprodução/TV Jornal

Pelo menos três homens participaram da investida, escalaram o muro e invadiram a casa da vítima, chegando a algemá-la. Os suspeitos roubaram a quantia de R$ 7 mil, um cachorro filhote da raça Rottweiler e dois celulares. 

Investigações preliminares da polícia apontam que os homens já chegaram no local sabendo da existência do dinheiro. Além disso, a suspeita é de que a vítima conhecia os suspeitos, e por isto ele foi morto após o assalto. A hipótese de ex-funcionários do empresário estarem envolvidos no crime não foi descartada.

Durante do assalto, além de Ramon, estavam na residência sua mulher e seu filho de 19 anos. No momento em que os tiros foram efetuados, o filho da vítima, bastante assustado, pulou o muro de casa e fugiu. 

Olinda

Em Olinda, outro homicídio está sendo investigado pela polícia. Um homem, identificado como José Ricardo da Silva Souza, foi morto na rua Professor Milton Santos, no bairro de Jardim Atlântico, na noite da terça-feira (19). 

Em nota, a Polícia Civil informou que a autoria e a motivação do assassinato ainda são desconhecidas. 

Jaboatão dos Guararapes

Já no município de Jaboatão dos Guararapes, uma tentativa de duplo homicídio assustou os moradores da rua Nacional, no Curado Quatro. De acordo com a polícia, dois homens, que não tiveram identidades reveladas, foram baleados dentro de uma residência. Um deles não resistiu aos ferimentos e faleceu no local; o outro, segundo aponta o perito do Instituto de Criminalística, Tadeu Cruz, provavelmente foi socorrido. 

Reprodução/TV Jornal
Um dos crimes aconteceu no Curado Quatro, em Jaboatão dos Guararapes - Reprodução/TV Jornal

"Não conseguimos identificar a vítima, mas já foi possível identificar diversas manchas de sangue no local, o que nos fizeram concluir que mais de uma pessoa foi alvejada na casa", explicou.

Investigações apontam que a casa na qual o crime aconteceu havia sido alugada há pouco tempo. Para a polícia, o crime tem características de execução e pode estar ligado com tráfico de drogas e acerto de contas. 

"Estou instaurando inquérito policial tendo por motivação preliminar o desentendimento de grupo criminoso no contexto de droga ilícita, tendo em vista que esses personagens são de ramificações do tráfico de drogas", revelou o delegado Alaumo Lima, responsável pelo caso. 

Ipojuca

Em Ipojuca, dois homens morreram durante troca de tiros com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE). José Pedro Santos de Souza Moreira, de 19 anos, e Hilquias Antonieto da Silva, de 35, estavam em um carro, passando pela PE-51, quando foram abordados pela polícia. A dupla teria iniciado a troca de tiros com os policias, que revidaram.

>> Dupla suspeita de envolvimento no latrocínio de PM em Porto de Galinhas morre após troca de tiros com o Bope

Após terem sido baleados, os dois homens foram socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. Ambos já eram monitorados pelo serviço de inteligência do BOPE. Dentro do veículo foram encontradas duas pistolas, mochilas, drogas e munições. O material apreendido foi encaminhado ao Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP).

Cabo de Santo Agostinho

Também nas últimas 24 horas, uma mulher foi morta a tiros no centro do município de Cabo de Santo Agostinho. A vítima, identificada como Mauriceia Ângela Sá Silva, de 48 anos, mais conhecida por "Alicate", foi baleada enquanto esperava um ônibus em uma parada de transporte público. 

Reprodução/TV Jornal
A VÍTIMA FOI EXECUTADA NA PARADA DE ÔNIBUS NO CENTRO DE CABO DE SANTO AGOSTINHO - Reprodução/TV Jornal

Testemunhas informaram que a vítima estava no local quando foi abordada por um homem armado que efetuou vários disparos. A mulher ainda teria tentado se defender. 

"A gente identificou que a vítima tinha duas lesões na cabeça e quatro pelas costas, e ainda uma lesão de defesa, já que provavelmente ela tentou se defender e colocou as mãos na cabeça", explicou o perito Tadeu Cruz, do Instituto de Criminalística (IC).  

A polícia ainda não tem pistas sobre a motivação ou autoria do caso, mas já está investigando. Imagens de câmeras de segurança das lojas próximas ao local do crime serão usadas.

 

Comentários

Últimas notícias