CARREIRA MILITAR

Escola de Sargentos do Exército: como entrar e qual o pagamento recebido?

A previsão é que a escola atraia cerca de 10 mil pessoas para Pernambuco

Lucas Moraes
Cadastrado por
Lucas Moraes
Publicado em 22/10/2021 às 10:41 | Atualizado em 22/10/2021 às 10:53
DIVULGAÇÃO/EB.MIL.BR
SARGENTOS Pedra fundamental será lançada às 10h30 desta quarta-feira (23), pelo presidente Bolsonaro - FOTO: DIVULGAÇÃO/EB.MIL.BR
Leitura:

Com o anúncio da construção de uma nova Escola de Sargentos em Pernambuco, muita gente que pensa em seguir uma carreira militar, e até quem não tinha a pretensão, passou a se perguntar sobre os tipos de formação, remunerações e atividades exercidas pela unidade. O Estado colocou à disposição R$ 323 milhões para atração do empreendimento. Mas para a vida das pessoas, quais podem ser os benefícios?

 

A Escola de Formação de Sargentos é um estabelecimento de Ensino de Nível Superior (Tecnólogo) do Exército Brasileiro, responsável pela formação de Sargentos Combatentes de Carreira das Armas de: Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações. Por se tratar de uma curso Tecnólogo, a formação é equivalente a uma graduação, porém tem duração de apenas dois anos. 

De acordo com o próprio Exército, a estrutura de uma Escola de Sargentos é composta de alojamentos, refeitórios, salas de aula, laboratório, espaço cultural, biblioteca, auditório, posto médico, capelania, parque de pontes e uma extensa área desportiva constituída por ginásios, campo de futebol, pista de atletismo, piscina, campo de polo, pista hípica e pista de corda.

Atualmente, no País há dois campos de instrução: Campo de Instrução do Atalaia com área de 4,6 km² e o Campo de Instrução Moacyr Araújo Lopes com área de 20 km², sendo este último distante cerca de 40 km de Três Corações/MG.

Em Pernambuco a nova escola será construída dentro do Campo de Instrução Marechal Newton Cavalcanti, ocupando uma área de 75 km quadrados, entre os municípios de Abreu e Lima, Paudalho, Tracunhaém, Araçoiaba, Camaragibe, São Lourenço da Mata e Igarassu.

Formação e ingresso

A previsão é que a escola atraia cerca de 10 mil pessoas para o Estado. Essas pessoas virão em busca da formação como Sargentos Combatentes de Carreira das Armas de Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações, além de formações militares nas áreas de Música e Enfermagem.

As formas de ingresso na instituição incluem Prova Objetivo e Redação e Testes Físicos (TAF). Para realizar o concurso, o candidato precisa ter, no mínimo, 17 anos e no máximo 24 anos, no caso das áreas Geral e de Aviação. 

Já nas áreas de Música e Saúde, o candidato deve ter, no mínimo, 17 anos e, no máximo, 26 anos.

No Exame Intelectual as provas são de Matemática, Inglês, Português, Redação e História/Geografia do Brasil. São 12 questões de cada matéria e, para ser aprovado, o candidato precisa acertar, pelo menos, 6 questões de cada matéria. Além disso, ter aproveitamento superior a 50% na redação.

Ser aprovado não garante ainda o ingresso na Escola de Sargentos. Com 50% de acerto, o candidato figura como aprovado, mas precisa ter melhor desempenho para conseguir estar entre as melhores classificações, podendo ingressar na instituição. 

REMUNERAÇÃO

Dentro de dois anos, a formação é dividida em duas etapas. O período de formação básica acontece durante em 12  Organizações Militares de Corpo de Tropa (OMCT), supervisionadas pela ESA, espalhadas em todo o território nacional. A duração do período básico é de 43 semanas.

Após a conclusão do período básico, o aluno escolhe sua qualificação militar de sargento, conforme mérito intelectual. O período de qualificação terá a duração de 43 semanas. No que diz respeito às Armas. O período de qualificação é conduzido integralmente, na ESA.

Já para logística, a qualificação é realizada na Escola de Sargentos de Logística (EsSLog), no Rio de Janeiro,  e no que se refere à qualificação de Aviação do Exército, a formação é concluída no Centro de Instrução de Aviação do Exército, em Taubaté/SP.

No período de formação, atualmente, o aluno recebe uma ajuda de custo, no valor de R$ 1.150 por mês, internato (moradia) e alimentação. Após a sua formação, o Sargento recebe R$ 4.896,32 como remuneração final.

Formado, o aluno passa ao posto de 3º Sargento de Carreira do Exército Brasileiro, podendo progredir para 2º Sargento, 1º Sargento, Oficial do Quadro Auxiliar e Reserva Remunerada. 

 

 

Comentários

Últimas notícias