METEOROLOGIA

Noite de véspera de São João pode ter chuvas entre moderadas e fortes em Pernambuco. Veja previsão do tempo

Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) indica onde é mais provável chover no Estado e em que intensidade

Katarina Moraes
Cadastrado por
Katarina Moraes
Publicado em 21/06/2022 às 11:27 | Atualizado em 21/06/2022 às 12:17
ELVIS EDSON/PREFEITURA DE CARUARU
Foto ilustrativa do São João de Caruaru 2022 - FOTO: ELVIS EDSON/PREFEITURA DE CARUARU
Leitura:

Quem pretende comemorar o São João de 2022 em Pernambuco deve ficar atento. Isso porque a Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) indicou pode chover com intensidade de moderada a forte na véspera e no dia em que se celebram os festejos juninos em todo o Estado. No entanto, a previsão do tempo de fato é feita apenas até 48h antes. Por isso, para os próximos dias, há apenas uma "tendência" - que pode ser alterada posteriormente.

Assim, para a quinta-feira (23), véspera do São João, é esperada chuva de moderada a forte (de 50 a 100 milímetros) para a Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata e Agreste, e moderada (30 a 50 mm) para as demais regiões.

Já na sexta (24), feriado junino, a Apac indica, por enquanto, precipitação de moderada a forte na Mata Norte; moderada na Mata Sul, RMR e Agreste, e fraca (2 a 10 mm) em todo o Sertão.

Já no sábado (25), há tendência de chuva de fraca a moderada (10 a 30 mm) na RMR e Zona da Mata; chuva fraca no Agreste e de que não haja chuva no Sertão como um todo. No domingo (26), deve chover moderadamente na Mata Norte e RMR, de fraca a moderada na Mata Sul e Agreste e de forma fraca no Sertão.

Apac alerta para chuvas nesta quarta-feira (22)

Chuvas de intensidade de moderada a forte devem cair sobre a Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata do Estado a partir da madrugada desta quarta-feira (22). A previsão é da Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac), que emitiu um alerta na manhã desta terça-feira (21) sobre a possibilidade de intensa precipitação, com a cor laranja, indicando "estado de atenção".

Qual a previsão para o inverno em Pernambuco?

O inverno começa, oficialmente, nesta terça-feira, 21 de junho, indo até 22 de setembro no hemisfério sul. Naturalmente, já são registradas fortes chuvas no período na Região Metropolitana do Recife, mas, desde abril, Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) já alertava que a precipitação deveria ser acima da média entre os meses de maio e agosto no Estado deste ano.

Assim, os meses de junho, julho e agosto devem ter acúmulo de chuva acima de 337,6 mm, 314 mm e 176,9 mm, que são as respectivas médias históricas. No entanto, a previsão para julho e agosto ainda será atualizada nesta terça-feira durante reunião climática com meteorologistas da Apac. Assim que isso acontecer, novas informações serão acrescentadas a esta matéria.

Qual é a previsão para o inverno de 2022 no Brasil?

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indicou que o inverno no Brasil este ano poderá ter chuvas abaixo da média nas regiões sul e sudeste, ao contrário das regiões norte e nordeste, que por conta do fenômeno, têm maior tendência de chuvas durante a estação. Isso acontece devido à permanência do fenômeno La Niña.

Já no centro-oeste, deve haver predomínio de seca e frio típicos do período, com umidade relativa do ar com picos mínimos abaixo dos vinte por cento. Durante este inverno, haverá possibilidade de neve na região serrana do extremo sul do país.

A meteorologista do Inmet, Morgana Almeida, dá um panorama das temperaturas pelas regiões do país. Segundo ela, "em grande parte do nosso país, a tendência é que tenhamos um inverno dentro da normalidade, com temperaturas amenas para o período, mas nada de um frio tão significativo”.

Qual é a previsão para o inverno de 2022 no Nordeste?

A previsão do Inmet indica chuvas acima da média histórica para toda a faixa próxima ao litoral nordestino, em função dos impactos da La Niña e também do padrão de águas mais aquecidas próximo à costa.

No oeste da Bahia e no sul do Piauí e do Maranhão, as chuvas poderão ser próximas da média, sendo que estas áreas já se encontram em seu período menos chuvoso.

Em relação a temperatura, a previsão indica que neste inverno haverá o predomínio de temperaturas próximas e acima da média em grande parte da região.

Comentários

Últimas notícias