APOIO

Paralimpíadas: conheça alguns atletas que merecem seu follow nas redes

Jogos Olímpicos de Tóquio tiveram início na última terça-feira, 23, e traz o Brasil como um dos destaques no quadro de medalhas

Samantha Oliveira
Samantha Oliveira
Publicado em 28/08/2021 às 7:00 | Atualizado em 31/12/1969 às 21:00
NE10
Petrúcio Ferreira é bicampeão nos 100m e quebra recorde na Tóquio 2020 - FOTO: NE10
Leitura:

Para quem estava com saudade de sentir o espírito olímpico e o clima esportivo no ar, fica tranquilo: os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020 tiveram início na última terça-feira, 24, e o Brasil é um dos principais países para o quadro de medalhas.

Mesmo com poucos dias de competição, os atletas brasileiros já conquistaram o pódio diversas vezes e integram o Top 10 do quadro de medalhas representando o Brasil. Apesar da falta de visibilidade com os Jogos - como a falta de exibição na TV aberta - é de extrema importância apoiar os nosso heróis olímpicos.

Pensando nisso, o Social1 reuniu os perfis de alguns dos atletas que estão na Vila Olímpica de Tóquio rumo ao pódio nos Jogos.

Petrucio Ferreira

Representante do atletismo, Petrucio Ferreira nasceu em São José do Brejo, na Paraíba, e representa não só o Brasil como o "país Nordeste" nas Olimpíadas. Ele foi um dos porta-bandeiras na abertura dos Jogos, e conseguiu manter o bicampeonato na competição.

Daniel Dias

O nadador paralímpico Daniel Dias pode ser considerado uma lenda do esporte. Isso porque, com 33 anos de idade, ele é o atleta masculino paralímpico na natação com mais medalhas na história. Ao todo, são 26 medalhas, algumas delas já conquistadas em Tóquio neste ano.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Daniel Dias (@danieldias88)

Maria Carolina Santiago

Competidora de eventos internacionais, Maria Carolina Santiago foi quatro vezes campeã dos Jogos Parapan-Americanos. Além disso, a atleta pernambucana já conquistou o bronze nos Jogos Olímpicos deste ano.

Raissa Rocha Machado

Essa é a segunda Paralimpíadas de Raissa, que agora busca sua primeira medalha na modalidade de lançamento de dardo F56. Lembrando que, em 2019, ela conquistou o ouro no Parapan-Americanos, em Lima.

Yeltsin Jacques

Outro pernambucano que conquistou medalha de Tóquio de 2020 foi Yeltsin Jacques, do atletismo.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Yeltsin Jacques (@yeltsin.atleta)

Beatriz Carneiro

Atleta de Natação Paralímpica, Beatriz Carneiro foi a campeã no Parapan em 2019 e agora está com sede de medalha em Tóquio, mesmo tendo apenas 23 anos.

Comentários

Últimas notícias