EM FAMÍLLIA

Madonna compartilha registro de Dia de Ação de Graças com família após polêmica com Instagram

Madonna reuniu os filhos em uma comemoração de Dia de Ação de Graças; reunião aconteceu após polêmica envolvendo fotos da cantora que foram censuradas

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 27/11/2021 às 17:13
Reprodução/Instagram
Madonna e seus filhos durante comemoração de Dia de Ação de Graças - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Na noite da última sexta-feira (26), Madonna compartilhou uma foto com seus filhos na comemoração do Dia de Ação de Graças, feriado muito especial para os norte-americanos. O jantar em família contou com a presença de todos os filhos da cantora, exceto Rocco Ritchie.

A cantora postou registros da comemoração em família que também inclui uma filmagem onde aparece dançando ao lado do filho David Banda, de 16 anos. As gêmeas Stella e Estere, de 9 anos, aparecem ajudando na preparação do jantar.

Instagram deletou imagens de Madonna

A reunião em família acontece dias após mais uma polêmica envolvendo a cantora. Dessa vez, o Instagram deletou fotos que ela havia publicado, nas quais ela posou com roupas de couro e com um dos mamilos à mostra. Madonna repostou as imagens com um emoji cobrindo o mamilo e reclamou das políticas “sexistas” da plataforma.

"Estou repostando as fotos que o Instagram tirou do ar sem aviso ou notificação. O motivo foi que uma pequena parte do meu mamilo foi exposto. Ainda é surpreendente para mim que vivemos em uma cultura que permite que cada centímetro do corpo de uma mulher seja mostrado, exceto um mamilo", começou ela.

Em seguida, explicou: "Como se essa fosse a única parte da anatomia de uma mulher que pudesse ser sexualizada. O mamilo que nutre o bebê. Um mamilo de um homem não pode ser considerado erótico?", questionou Madonna.

A carreira da cantora é marcada por episódios polêmicos envolvendo fotografias, videoclipes e músicas, considerada por muitos conteúdos explícitos por tratar de sexualidade de maneira franca. Madonna aproveitou a legenda para dizer que se sente agradecida por ter “conseguido manter a sanidade durante décadas de censura, sexismo, idadismo e misoginia”.

Siga o Social1 no Instagram, Facebook, Twitter e TikTok.

Comentários

Últimas notícias