03
dez

Com síndrome rara, ‘bebê platinado’ faz sucesso nas redes sociais

03 / dez
Publicado por O Viral às 11:09

Quando estava grávida, Jessica Paulina, de 27 anos, não imaginava que ia ter um filho tão especial. Ryan, hoje com 3 anos, nasceu com uma condição rara que o deixou conhecido na internet como “bebê platinado” devido aos seus cabelos extremamente brancos e pele clara.

Inicialmente, os médicos acharam que Ryan seria albino, no entanto, ao nascer ele foi diagnosticado com Síndrome Waardenburng, uma doença hereditária que se caracteriza pela perda de audição e anomalias pigmentares. O pequeno possui também heterocromia, isto é, olhos de cores diferentes.
                                   Imagem: Reprodução / Instagram (@meubebeplatinado)

“Eu tive uma gravidez normal, sem nenhum problema. Fiz o pré-natal todo certinho. Mas quando o Ryan nasceu, eu fiquei surpresa, pois o pai dele e eu somos negros. Porém, fiquei encantada ao mesmo tempo”, contou a mãe.

Cuidados

Com 1 ano e 5 meses, Ryan precisou fazer uma implante coclear para começar a ouvir. Atualmente, ele possui acompanhamento com uma fonoaudióloga e também frequenta uma escola própria para deficientes auditivos. “Lá, ele está se desenvolvendo bem e aprendendo libras. Eu tento fazer com que ele viva uma vida o mais normal possível, mas temos que tomar alguns cuidados”, explicou Jessica.

Imagem: Reprodução / Instagram (@meubebeplatinado)

Sucesso

Em casa, Ryan é muito amado pela família, que faz questão de não se importar com as diferenças físicas. “Todo mundo recebeu Ryan muito bem. Foi sempre muito tranquilo. Ele  nasceu na família certa”, pontua a mãe.

Ryan com os pais. Imagem: Reprodução / Instagram (@meubebeplatinado)

Ela também o idealizadora do Instagram @meubebeplatinado, onde divide o dia a dia de Ryan com pouco mais de 18 mil seguidores. O sucesso é tanto que ele tem começado a se arriscar no mundo da moda.

Imagem: Reprodução / Instagram (@meubebeplatinado)

LEIA TAMBÉM: 

Gestação rara: mulher dá à luz a quíntuplos no Paraná


Veja também