Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

ARTILHEIRO

Gabigol revela que tem propostas para deixar o Flamengo, mas tem que analisar tudo

A declaração foi dada durante entrevista ao podcast Podpah

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 11/12/2021 às 12:04 | Atualizado em 11/12/2021 às 12:04
ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO
Gabigol, maior goleador do Flamengo pela terceira temporada consecutiva - FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO
Leitura:

Maior goleador do Flamengo pela terceira temporada consecutiva, o atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, fez uma revelação capaz de deixar o torcedor rubro-negro preocupado. Em entrevista ao podcast Podpah, o atleta afirmou que tem propostas para deixar o clube carioca.

"Propostas tem (para deixar o Flamengo), mas eu tenho que analisar tudo. Tenho 25 anos, jogo no melhor time do Brasil, jogadores e torcida f*da. Não quer dizer que amanhã não posso ir embora. Pode acontecer. Mas eu estou feliz", afirmou Gabigol.

"Acho que é uma coisa que pode acontecer, sim (encerrar a careira no Flamengo). É difícil porque eu falo aqui de contrato vitalício e amanhã eu vou embora. Mas o Flamengo é um time que eu não me vejo saindo. É onde me encontrei como pessoa, a vibe é muito boa. Eu gosto do Maracanã, de morar no Rio... Talvez amanhã, não sei, o Flamengo não me queira mais, as coisas são muitas rápidas", emendou.

Apesar disso, o camisa 9 fez questão de ressaltar que nunca foi fixado em vestir camisa de times de fora e que sempre quis jogar pelo Mengão.

"Eu sempre quis jogar no Flamengo e no Santos. Nunca fui brisado (fixado) em time de fora. Eu sou muito brasileiro. É muito bom ser brasileiro, jogar pela Seleção, jogar no Flamengo, ir para o Maracanã", disse ele.

Derrota na Libertadores

Gabigol também comentou sobre a derrota para o Palmeiras, na final da Libertadores deste ano. O atacante ressaltou que a meta é voltar a disputar a decisão do maior torneio de clubes da América do Sul na próxima temporada.

Por fim, o artilheiro também falou sobre a relação com Bruno Henrique, com quem divide os gramados desde os tempos de Santos. "O Bruno Henrique é muito meu parceiro, a gente jogou no Santos junto. A gente era muito parceiro no Santos, e eu ligava para ele todo dia: "Vem para o Flamengo, vem para o Flamengo, por favor", falou.

"Só que o Bruno é muito particular, mas a gente não sabe como ele está no dia. Ele chega contigo conversa e brinca. No outro dia, ele não fala com você. Aí falei: "Vou fazer um teste, não vou falar com o Bruno", completou.

Comentários

Últimas notícias