referências do esporte

Wagner Domingos e Jenifer Martins são homenageados no Espaço Pernambuco Imortal

Os pernambucanos Wagner Domingos e Jenifer Martins foram homenageados na manhã desta quinta-feira, no Espaço Pernambuco Imortal, na Arena Pernambuco

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 28/11/2019 às 12:59
Notícia
Gabriela Máxima/Editoria de Esportes
Os pernambucanos Wagner Domingos e Jenifer Martins foram homenageados na manhã desta quinta-feira, no Espaço Pernambuco Imortal, na Arena Pernambuco - FOTO: Gabriela Máxima/Editoria de Esportes
Leitura:

Com o foco na preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em julho de 2020, os pernambucanos Jenifer Martins e Wagner Domingos receberam uma motivação extra para buscar a classificação para a maior competição esportiva do Planeta. Isso porque, na manhã desta quinta-feira, os atletas entraram para o Hall da Fama do esporte estadual, no Espaço Pernambuco Imortal, localizado na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata. Na cerimônia, promovida pela Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Estado, Jenifer e Wagner registraram suas assinaturas ao lado de outras 21 referências do esporte local.

Principal referência do lançamento do martelo no Brasil, Wagner Domingo, o Montanha, é finalista olímpico dos Jogos do Rio-2016 e é dono do recorde sul-americano em sua prova com 78,63m. Ele revelou que é muito importante para os atletas serem reconhecidos durante a carreira. Para ele, o Hall da Fama serve como incentivo para continuar buscando mais resultados e representando o Estado.

"Me sinto emocionado. Não é nem mais feliz. É exalando emoção. E a gente se sente mais motivado para dar continuidade ao trabalho. Essa homenagem foi muito importante porque nesse momento estou em um ano que foi difícil, marcado por lesões e que estou lutando para voltar a melhor forma. Mas com essa homenagem e outras que recebi deu para recarregar as baterias para tentar chegar bem às Olimpíadas e representar Pernambuco da melhor forma", observou o lançador do martelo, que tem como meta para 2020 cravar o índice olímpico de 77,50m.

Para isso Wagner não perde tempo. Sem férias, ele garantiu que está treinando com 100% de sua carga."Volto para São Paulo no domingo e no final de janeiro pretendo ir para a Eslovênia. Vou ficar lá até as Olimpíadas. Fazer as competições na Europa e buscar o índice", completou.

NO PARADESPORTO

Jenifer Martins é um dos principais nomes do paradesporto brasileiro na atualidade. Representando o Brasil nas provas de velocidade e salto do atletismo, a pernambucana também mira a preparação para as Paralimpíadas de Tóquio, em agosto de 2020. A paratleta, que segue para sua quarta edição dos Jogos, confessou que não esperava ser homenageada nesse momento de sua carreira. "Não esperava receber essa homenagem agora. Fiquei muito feliz. Estou me sentindo muito honrada. Muito orgulhosa e agradecida à Secretaria (de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco) por essa homenagem tão linda", comentou.

A pernambucana compete nas provas da classe T38, para paralisados cerebrais, e adiantou que não terá descanso até as Paralimpíadas. Ela já começou a preparação com foco total. "Ano que vem tem Tóquio-2020. Já iniciei a base e agora é ir para cima. Esta será minha quarta Paralimpíada. E eu tenho chance em três provas: 100m, salto em distância e revezamento 4x100m do Brasil. A gente já começa a base. Essa homenagem é um estímulo enorme para dar aquela energia a mais para poder rumo aos Jogos. A parte da base é a pior parte, é a parte do sofrimento, mas tudo vale a pena", concluiu. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias