ação trabalhista

Sport e Diego Souza não entram em acordo após audiência inicial

Diego Souza acionou o Sport na Justiça no dia 12 de dezembro do ano passado para cobrar pouco mais de R$ 1 milhão em salários atrasados, rescisão contratual,

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 05/02/2020 às 13:10
Notícia
Acervo JC Imagem
Diego Souza acionou o Sport na Justiça no dia 12 de dezembro do ano passado para cobrar pouco mais de R$ 1 milhão em salários atrasados, rescisão contratual, - FOTO: Acervo JC Imagem
Leitura:

Na primeira audiência referente à ação protocolada na Justiça do Trabalho por Diego Souza contra o Sport, jogador e clube não chegaram a um acordo. A audiência foi realizada na 14ª Vara do Trabalho do Recife, na manhã desta quarta-feira, dois meses depois de o meia acionar o Leão na Justiça cobrando por mais de R$ 1 milhão. O valor exato de R$ 1.040.046,58 é referente aos salários atrasados,  13º salário, férias e rescisão contratual da passagem do jogador na Ilha do Retiro, encerrada no início de 2018.

SEM DINHEIRO E SEM ACORDO

O vice-presidente do Sport, Carlos Frederico, disse que não houve acordo porque o clube não tem R$ 1 milhão para pagar ao embaixador de 87. "Essa audiência inicia serve para apresentar os fatos e tentar algum tipo de acordo. O Sport não tem dinheiro para pagar R$ 1 milhão, então não teve acordo. O clube não tem condições financeiras para isso. Então, agora o processo vai prosseguir e vamos continuar negociando até chegar em um acordo que seja melhor para as duas partes", argumentou o vice-presidente do Leão.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias