coluna vida fit

Prática de exercícios físicos pode melhorar sintomas de doenças mentais

Isolamento social por conta da pandemia do novo coronavírus é responsável por elevar o número de pessoas com depressão, ansiedade e estresse

JC
JC
Publicado em 30/11/2020 às 11:24
Notícia
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Pessoas fazem exercício físico durante a pandemia do novo coronavirus - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Manter o isolamento social e as incertezas causadas pela pandemia do novo coronavírus foram responsáveis por aumentar o número de diagnóstico de doenças mentais. De acordo com pesquisa da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), os casos de depressão subiram 50%, assim como quadros de ansiedade e estresse cresceram 80% entre os meses de março e abril de 2019.

A pesquisa feita pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) também revela maior busca por médicos psiquiatras. Apesar de serviços suspensos e consultórios fechados, 47,9% dos profissionais perceberam uma procura maior por atendimentos. Além disso, 89,2% identificaram o agravamento dos sintomas de seus pacientes.

Atividade física é remédio natural

A prática de exercícios físicos e atividades esportivas podem reduzir os sintomas e prevenir diagnósticos de doenças mentais, especialmente durante o isolamento da pandemia. Em casos mais graves é possível, as atividades funcionam com acompanhamento médico e medicações. Isso porque, ao se exercitar, o corpo libera hormônios que influenciam no humor, causando bem-estar físico e mental. A orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) é de 150 minutos de atividade aeróbica em intensidade moderada ou 75 minutos de exercícios mais intensos, por semana.

Profissionais de educação física defendem que treinos com acompanhando podem ser eficazes no combate às doenças mentais e crônicas. O presidente do Conselho Regional de Educação Física de Pernambuco (Cref-PE), Lúcio Beltrão, falou sobre o assunto. "O exercício físico é benéfico para a saúde física e mental. Os estudos estão mostrando o que a gente vinha dizendo há algum tempo. Em relação à covid-19 tem se mostrado uma realidade. Os benefícios do exercício físico aliado no combate à covid-19, de combate à ansiedade e estresse, convívio social que a gente faz na academia, no box de crossfit", disse.

 

Comentários

Últimas notícias