coluna vida fit

A importância das academias e dos exercícios físicos no combate à covid-19

Pesquisas revelam que manter uma rotina com exercícios físicos pode proporcionar qualidade de vida e elevar os níveis de saúde

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 24/11/2020 às 13:16
Notícia
LUISI MARQUES/JC360
ATIVIDADE FÍSICA Academias são apontadas como fontes de saúde - FOTO: LUISI MARQUES/JC360
Leitura:

Quatro meses após a reabertura das academias e similares durante a pandemia do novo coronavírus, a Associação Brasileira de Academias (Acad) listou dados que mostram que os estabelecidos são seguros e podem fazer parte da estratégia de combate à doença. Isso porque os exercícios físicos oferecem benefícios para a saúde mental e física, além de proporcionar momentos de interação social, importante em um ano marcado por medidas de isolamento.

>> Educação física avalia reabertura das academias no Grande Recife

>> Fiscalização fecha 8 e notifica 15 academias por irregularidades no Grande Recife

>> Protocolo de reabertura das academias é aprovado em Pernambuco

A Acad cita a pesquisa realizada pela International Health Racquet & Sportsclub Association (IHRSA) que mostra que as academias são responsáveis por apenas 0,5% das infecções em San Diego, na Califórnia. Estabelecimentos como escritórios, restaurantes e lojas oferecem mais riscos com 34,3%, 10,1% e 8%, nessa ordem. A mesma entidade aponta que na Inglaterra as academias receberam 8 milhões de pessoas em três semanas de agosto e relataram apenas 17 casos de covid-19. 

O presidente do Conselho Regional de Educação Física de Pernambuco, Lúcio Beltrão, falou sobre os pontos positivos de uma rotina fisicamente ativa. "O exercício físico é benéfico para a saúde física e mental. Os estudos estão mostrando o que a gente vinha dizendo há algum tempo. Em relação à covid-19 tem se mostrado uma realidade. Os benefícios do exercício físico aliado no combate à covid-19, de combate à ansiedade e estresse, convívio social que a gente faz na academia, no box de crossfit. É importante ter esse convívio além das atividades. As academias têm se mostrado um ambiente seguro, naturalmente quando são seguidos os protocolos", disse. 

O dirigente ainda ressaltou a fiscalização dos órgãos responsáveis. "O Cref-PE, Procon e Vigilância Sanitária têm feito o papel de fiscalização. Felizmente a gente tem encontrado boas práticas, nos locais em Pernambuco as pessoas têm seguido as recomendações de uso de máscara, distanciamento, limpeza. Seguindo esse protocolo a academia é sim um lugar seguro, além de ser benéfico para a saúde. São locais essenciais para a população", concluiu.

Sobre os efeitos do isolamento social, a Acad apontou que um mês após o início da pandemia no Brasil, em abril, os casos de depressão aumentaram 90%. O número de brasileiros com ansiedade subiu de 8,7% para 14,9%. Por outro lado, pesquisas científicas constatam que realizar atividades físicas especialmente durante a pandemia proporciona benefícios como combate à obesidade e doenças crônicas, melhora da qualidade de vida e do sono, além de reduzir os índices de ansiedade e depressão. 

Comentários

Últimas notícias