Prorrogação do contrato

Náutico deve retomar, em breve, negociações de renovação com goleiro Jefferson

Arqueiro tem contrato com o Alvirrubro até o final do ano, e é de interesse da duas partes em prorrogar o vínculo

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 25/09/2020 às 17:54
Notícia

TIAGO CALDAS/NÁUTICO
Goleiro e a direção devem retomar conversa para renovação do contrato - FOTO: TIAGO CALDAS/NÁUTICO
Leitura:

Em sete anos como goleiro profissional, o goleiro Jefferson, cria da base Náutico, completou 80 jogos com a camisa alvirrubra diante da Chapecoense. Uma trajetória longa, mas com boa história para o goleiro de 27 anos. Com seu contrato a encerrar no fim do ano, a diretoria e o atleta mantém o desejo de manter a parceria. Porém, desde que a pandemia paralisou o futebol, as conversas ficaram em stand-by. Só que não por muito tempo. O clube quer estender o vínculo com o goleiro e assegurar um das suas principais peças para a próxima temporada.

 

“Está na hora de voltar e sentar para conversar sobre isso, e com o tanto de coisas que aconteceu, o assunto realmente tinha ficado de lado. Mas existe uma situação de um compromisso de honra, digamos assim, entre o atleta e o clube, de prosseguimento. Apenas uma situação de aguardar um pouco essa instabilidade econômica, mas acho que está na hora da gente sentar e tentar desenhar o que vem pela frente”, disse o vice-presidente de futebol do Náutico, Diógenes Braga, em entrevista ao repórter Antônio Gabriel, da Rádio Jornal.

Do lado do goleiro, o pensamento é o mesmo da diretoria. Jefferson já deixou explícita a sua vontade de permanecer no clube, local onde deu seus primeiros passos no futebol e viveu seu melhor momento após o retorno no ano passado, conquistando o acesso para a Série B e o título da Terceira Divisão como um dos protagonistas. Ou seja, a identificação com o Náutico não poderia ser maior. Uma das lideranças do elenco, o arqueiro se mantém tranquilo sobre as negociações e espera que a direção o chame para que elas retomem.

“Como sempre falei desde o início, meu pensamento é continuar no clube. A diretoria também tem esse desejo, que isso se concretize. A pandemia deu uma atrapalhada, mas logo vamos voltar a conversar. A diretoria tem me deixado muito à vontade e eu tenho certeza que é uma história que vai ter um final feliz. Sou adaptado ao clube, tenho uma identificação muito grande com o Náutico, então nada mais justo que as duas partes ficarem contentes. Creio que vamos retomar as conversas em breve e que o final vai ser feliz tanto para mim quanto pro Náutico”, acrescentou o goleiro alvirrubro.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias