Prefeitura do Recife

Ao apoiar Arthur Lira, prefeito do Recife, João Campos, pode ter diálogo facilitado em Brasília

Candidato a presidência da Câmara dos Deputados, o deputado federal Arthur Lira é apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro, o que levanta a possibilidade de auxiliar os gestores que fazem oposição, nas demandas que implicam ao governo federal

Mirella Araújo
Mirella Araújo
Publicado em 15/01/2021 às 16:59
Notícia

DIVULGAÇÃO
Arthur Lira (PP) se encontra com o governador Paulo Câmara (PSB) e com o prefeito João Campos (PSB) no Recife - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Com foco nos primeiros 100 dias de gestão, o prefeito João Campos (PSB) elencou junto ao seu núcleo, propostas "possíveis" com investimentos "locais", através de parcerias já estabelecidas à exemplo do Governo de Pernambuco. No entanto, haverá demandas que precisarão do aporte federal, o que para Campos poderá não ser um problema, conforme pontuado durante a campanha. Opositor ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o socialista afirmou em diversas ocasiões que pretende manter um bom diálogo institucional com o governo federal. 

>>Crise e pandemia aumentam o desafio de João Campos em cumprir promessas de campanha

>>João Campos declara apoio a candidato de Bolsonaro para presidência da Câmara

>>''Democratizar a Câmara será o nosso principal papel'', diz Arthur Lira após encontro com Paulo Câmara

Para o historiador e cientista político Alex Ribeiro, mesmo que o governo federal tenha deixado claro que não pretende se esforçar para manter esse diálogo amigável com os governantes da esquerda, há possibilidade de que acenos positivos possam ocorrer, mesmo que nos bastidores, caso o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) vença a eleição para a presidência da Câmara dos Deputados.

“O prefeito do Recife não esconde sua simpatia pelo parlamentar para presidir a Casa Legislativa. Uma possível vitória de Lira pode abrir portas para o mandatário da capital pernambucana”, ressaltou Alex. Em sua segunda passagem pelo Estado, Arthur Lira foi recepcionado pelo prefeito, nessa quarta-feira (13).

Segundo parlamentares presentes no encontro, que também teve a presença do governador Paulo Câmara, o prefeito do Recife afirmou que manterá seu apoio a candidatura de Lira, o que contraria a recomendação do Diretório Nacional do PSB, e a oficialização do apoio do partido a Baleia Rossi, candidato à presidência pelo MDB.

Em coletiva de imprensa, cedida no Palácio do Campo das Princesas, Arthur Lira tentou se deslocar da imagem de que seria o "candidato do presidente", apostando na autonomia da Casa  e dos parlamentares. "Nós vamos votar o que for necessário e importante ao País apoiado por deputados e por partidos que acreditam nessa nova dinâmica e conduzir a Câmara dos Deputados", declarou. 

Apesar de não poder votar na eleição para presidente da Câmara marcada para fevereiro, por não exercer mais o mandato de deputado federal, João Campos poderá trabalhar nos bastidores para selar os votos dos dissidentes ao candidato do presidente Jair Bolsonaro.

DOBRADINHA NO ESTADO

 No âmbito estadual, as parcerias com o governador Paulo Câmara (PSB) tem sido sinalizada nos primeiros atos como prefeito. O que dará a João Campos suporte necessário para iniciar as promessas que demandam mais investimentos. 

“Aqueles casos, em que há uma necessidade de aporte maior de recursos, ele buscou parcerias com o Governo do Estado. Ele também tem uma boa relação com a bancada de parlamentares estadual e federal. A gente hoje tem que levar em consideração que vivemos em uma crise muito mais complexa em relação a pandemia e o prefeito está iniciando uma nova gestão neste período de forma bastante consciente do que está acontecendo”, afirmou o secretário de Governo, Carlos Muniz. 

Recentemente os dois gestores estiveram juntos para anunciar a formalização do grupo de trabalho que dará início ao processo de triplicação da BR-232, com investimento de R$ 145 milhões - o decreto estadual (n° 50.048) para a desapropriação da área, já foi publicado. 

Ações de continuidade da gestão anterior, também estão sendo anunciadas com garantias de que serão mantidas, como o Ilumina Recife, que tem como meta 100% da iluminação LED em toda a cidade, e o investimento de R$ 70 milhões para a requalificação das calçadas pelos próximos quatro anos.



 

Comentários

Últimas notícias