08
fev

Detentos pedalam para gerar energia elétrica limpa e reduzir pena

08 / fev
Publicado por O Viral às 17:50

Foto: Divulgação / Presídio de Santa Rita do Sapucaí

Um projeto no presídio de Sete Lagoas, em Minas Gerais, vai ajudar na ressocialização de presos e gerar energia elétrica sustentável. Isso por que alguns detentos vão pedalar para reduzir a pena e, assim, gerar energia.

A iniciativa foi desenvolvida pela Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) e conta com o apoio da Vara de Execuções Penais de Sete Lagoas e da Secretaria de Segurança Pública de Minas Gerais. Os interessados em fazer o exercício rumo à liberdade precisam passar por exames médicos e de aptidão física antes de começar.

Ao todo, serão instaladas, a partir de março, cinco bikes que funcionarão em 2 ou 3 turnos diários de 4 horas, totalizando entre 8 e 12 horas de trabalho. A cada 3 dias trabalhados, a pena é reduzida em 1, de acordo com a lei.

As bicicletas foram preparadas para não ter peças removíveis que possam ser usadas como armas.

Inspiração

A inspiração para o projeto partiu de uma ação no Presídio de Santa Rita do Sapucaí, também em Minas Gerais. Na unidade prisional, os presos pedalam para produzir energia elétrica usada na iluminação de uma praça do município.

A energia produzida é comprada pela Companhia Energética da cidade, que oferece desconto equivalente na conta de eletricidade da unidade prisional.


Veja também