Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

BASE TRICOLOR

Visando futuro do clube, diretor geral da base do Santa Cruz diz: "Temos bons valores sendo monitorados"

A categoria de base tricolor deverá ser ainda mais utilizada na temporada de 2022

Eduardo Falcão
Eduardo Falcão
Publicado em 08/11/2021 às 15:24 | Atualizado em 08/11/2021 às 17:11
Reprodução/Instagram
Base coral deverá ser mais ativa no ano de 2022 - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

O ano de 2022 promete ser bastante complicado para o Santa Cruz. O clube irá jogar pela quarta vez em sua história à Série D do Campeonato Brasileiro, e como se isso não bastasse, o Tricolor do Arruda não terá as rendas da Copa do Brasil e da Copa do Nordeste, já que o clube não conseguiu classificação para a competição nacional e foi eliminado ainda na segunda fase das Eliminatórias do Torneio Regional. 

>> Santa Cruz oficializa contratação de meia-atacante; saiba mais

Com a não participação nas principais competições do calendário de 2022 e o pouco dinheiro que deverá entrar no caixa tricolor, a utilização da base coral deverá ser mais maciça para a próxima temporada. Em entrevista concedida a repórter da Rádio Jornal, Lílian Fonsêca, o diretor geral da base do Santa Cruz, Anchieta Thorp falou sobre a relação da base tricolor para 2022 e para próximas temporadas.

>> Jurídico do Santa Cruz enfrenta obstáculos para reduzir passivo do clube

>> Santa Cruz prioriza renovação de volante para 2022

"A reestruturação não só financeira como futebolística do Santa Cruz para o ano de 2022 e para a continuidade das seguintes temporadas, passa necessariamente pela base do clube. Hoje nós já temos bons valores sendo monitorados pela diretoria executiva num trabalho em conjunto com a diretoria de base. Eu tenho certeza que próximo ano teremos um time fortalecido e municiado pelos garotos que hoje estão nos servindo na categoria sub-20.

>> Especulado pelo Santa Cruz, Ciro dispara: "Não jogo em outro clube de Pernambuco"

Junior Sergipano, Eduardo, João Cardoso e Léo Gaúcho foram alguns dos jovens que vieram da base tricolor e ganharam bastante oportunidades ao longo da temporada 2021. Anchieta também falou sobre a atual estrutura que é oferecida para os jogadores da base tricolor.

"Temos investido numa infraestrutura miníma. Hoje o Santa Cruz conta com alojamento para os garotos da base, um ônibus específico para o transporte das categorias do clube, uma sala administrativa, um serviço de assistência social psicológica e nutricional especifica para os garotos da base, além naturalmente de dois campos específicos para o treino dos jovens do clube. Quando não podemos por circunstâncias logísticas treinar no CT Ninho das Cobras, nós recorremos ao antigo CT do Unibol. Essa condição de treinamento especifica para as categorias de base do nosso clube é o que nos dá uma miníma situação de efetivar um trabalho que já vem surtindo efeito", finalizou Anchieta Thorp.

Siga o Blog do Torcedor no Facebook, no Instagram e no Twitter

 

 

 

Comentários

Últimas notícias