atletismo

Recife recebe atletas olímpicos da marcha atlética na disputa da Copa Brasil

Copa Brasil de Marcha Atlética será realizada no próximo domingo, em circuito na área externa da UFPE. Erica Sena e Caio Bonfim estão confirmados no evento

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 14/02/2020 às 13:17
Notícia
Divulgação
Copa Brasil de Marcha Atlética será realizada no próximo domingo, em circuito na área externa da UFPE. Erica Sena e Caio Bonfim estão confirmados no evento - FOTO: Divulgação
Leitura:

Pela primeira vez na história Recife será sede da Copa Brasil de Marcha Atlética, principal competição da modalidade no primeiro trimestre de 2020. As provas serão realizadas no próximo domingo, em um circuito na área externa da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), com largada em frente à Concha Acústica, a partir das 6h. Destaque para a presença confirmada da pernambucana Érica Sena, que atualmente é a principal representante da marcha no País e se prepara para a disputa dos Jogos Olímpico de Tóquio, no próximo mês de julho.

A Copa Brasil de Marcha Atlética realizará 10 provas nas categorias adulta, sub-20, sub-18 e sub-16. No total, a competição reunirá 120 atletas de 29 clubes, que vão representar nove estados, além do Distrito Federal. A competição também servirá como classificatória para o Campeonato Sul-Americano da modalidade, marcado para os dias 7 e 8 de março, em Lima, no Peru. Os três primeiros lugares das provas masculinas e femininas serão convocados para o torneio continental. Vale destacar que o caminho dos atletas levarão para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no próximo mês de julho.

Antes do Recife, apenas a cidade de Natal, no Rio Grande do Norte, havia sediado a Copa Brasil de Marcha Atlética nas duas primeiras edições, em 1989 e 1990. Esta é a primeira vez que a competição volta ao Nordeste após 30 anos.

ÉRICA SENA

Uma das principais atrações da Copa Brasil, a pernambucana Érica garantiu a classificação para as Olimpíadas, quando em junho de 2019 cravou o tempo de 1h27min38 e estabeleceu o índice para o principal evento esportivo do Planeta. Ela passou a semana no Rio de Janeiro treinando e realizando exames no Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Sobre a competição em sua terra natal, ela confessou que está muito orgulhosa em observar o Recife recebendo a Copa Brasil. “Que orgulho, que honra receber essa competição no nosso estado no nosso ‘país’ Pernambuco! O coração enche de tanta felicidade. Eu fiquei nove anos sem competir essa prova, mas quando fiquei sabendo que seria na minha terrinha fiquei muito emocionada e é claro que eu não poderia ficar de fora desse evento maravilhoso. Para mim é a realização de um sonho”, falou a marchadora em suas redes sociais.

CAIO BONFIM

O brasiliense Caio Bonfim também competirá no Recife. O marchador é medalhista mundial e também tem sua vaga garantida nos Jogos Olímpicos. A competição no Recife marcará sua estreia em 2020. “Ele está muito bem nos treinamentos e pronto para estrear na temporada 2020. O grande objetivo é chegar bem na Olimpíada de Tóquio”, comentou João Sena, pai e treinador de Caio, em entrevista à assessoria da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). Logo depois da competição do Recife, ele segue para uma disputa no Japão, no dia 15 de março, antes do GP de Rio Maior, em Portugal, no dia 4 de abril.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias