COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

Pernambuco anuncia autorização para início da vacinação de professores contra a covid-19

A imunização dos mestres é reivindicada pelos professores de colégios públicos e privados, assim como os que lecionam no ensino superior. Agendamento e cronograma dependem de cada prefeitura

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 27/05/2021 às 12:32
Notícia
YACY RIBEIRO/JC IMAGEM
Escolas estaduais foram reabertas para aulas presenciais desde 19 de abril - FOTO: YACY RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

O governador Paulo Câmara anunciou, nesta quinta-feira (27.05), que o Estado irá avançar na imunização contra a Covid-19, com a vacinação de todos os grupos prioritários previstos no Plano Nacional de Imunização (PNI) e de pessoas com 59 anos. Segundo o gestor estadual, a partir de agora, trabalhadores da educação, motoristas e cobradores do transporte público, agentes penitenciários, entre outras categorias, já podem começar a ser vacinados.

Na lista de pessoas autorizadas a serem vacinadas da educação, segundo o governo estadual, estão trabalhadores da educação básica (creche, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA) e também os trabalhadores da educação do ensino superior. Vale destacar que o governo autoriza as prefeituras, mas a definição de cronograma e de agendamento vai depender do esquema organizado por cada cidade. Jaboatão começa a cadastrar já nesta sexta-feira (28).

“Nossa luta contra a Covid-19 vai entrar numa nova fase. Ajustamos nosso plano estadual de imunização, pactuamos com as secretarias municipais de saúde e vamos acelerar a vacinação da nossa população. Estamos autorizando todas as prefeituras pernambucanas a iniciar, a partir de hoje, a imunização de todos os grupos prioritários previstos no PNI”, informou o governador.

A imunização dos mestres é reivindicada pelos professores de colégios públicos e privados da educação básica. Também os que lecionam no ensino superior. Na rede estadual, a categoria está em greve desde 19 de abril e um dos pleitos é justamente a vacina para quem atua nas escolas públicas estaduais. 

Recife foi a primeira cidade a iniciar a aplicação da vacina nos trabalhadores da educação, quase um mês atrás, em 29 de abril. Até a última terça-feira (25), segundo o Vacinômetro, painel virtual mantido pela prefeitura, 14.933 funcionários de escolas da capital receberam a primeira dose da vacina contra o coronovírus. No município, não somente os docentes mas qualquer pessoa que atue nas unidades de educação básica pode ser vacinada.

Segundo a Secretaria Estadual de Educação, Pernambuco tem 30.130 professores lecionando na rede privada, 55.795 nas escolas municipais e 33.556 na rede estadual, totalizando 119.481 docentes na educação básica.

Todas as escolas de Pernambuco estão autorizadas pelo governo estadual a terem aulas presenciais. Mas a maioria dos colégios municipais permanece fechado. As gestões municipais optaram por manter atividades remotas por causa do cenário de contaminação da covid-19.

Já as unidades particulares e estaduais estão com aulas presenciais, porém ofertam também aulas online para os estudantes que participam de rodízio de turmas ou para aqueles que optaram por não voltar para a escola.

Veja os grupos prioritários autorizados a serem vacinados a partir de hoje:

Pessoas com 59 anos ou mais (nova faixa etária autorizada em Pernambuco)

Trabalhadores da Educação do Ensino Básico (creche, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA)

Trabalhadores da Educação do Ensino Superior

Forças Armadas

Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário de Passageiros

Trabalhadores de Transporte Metroviário e Ferroviário

Trabalhadores de Transporte Aquaviário

Caminhoneiros

Trabalhadores Industriais

Trabalhadores da limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos

Funcionários do Sistema de Privação de Liberdade

População Privada de Liberdade

Pessoas em Situação de Rua (18 a 59 anos)

Comentários

Últimas notícias