Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

INSATISFAÇÃO

Torcida do Sport faz protesto na Ilha do Retiro e pede eleições diretas após renúncia de Milton Bivar

Ideia de eleição indireta não tem agradado os torcedores rubro-negros

LOURENÇO GADÊLHA
LOURENÇO GADÊLHA
Publicado em 16/06/2021 às 15:47
Notícia
Bobby Fabisak/JC Imagem
Torcida do Sport foi até a Ilha do Retiro protestar a favor de eleições diretas no clube. - FOTO: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

A possibilidade de uma eleição indireta no Sport segue gerando revolta na torcida rubro-negra. Aos gritos de 'democracia', um grupo de torcedores do Leão foram até a Ilha do Retiro para protestar na tarde desta quarta-feira (16) e pedir eleições diretas após o presidente Milton Bivar e seu vice, Carlos Frederico, entregarem o pedido de renúncia ao Conselho Deliberativo. Entre as reclamações, destaque para a rejeição ao diretor de futebol Fred Domingos e os sucessivos pedidos de "diretas já" para escolher o novo mandatário do clube.

O ato foi realizado pelo grupo intitulado Movimento Sport Democrático, que levou vários cartazes e faixas pedindo democracia no Leão. Algumas frases que foram expostas chamaram atenção, como: "não ao golpe", "fora ditadores" e "respeitem o estatuto". Cerca de 30 torcedores participam do protesto na sede do clube rubro-negro.

 

 

Nessa terça-feira, Milton Bivar e Carlos Frederico renunciaram oficialmente aos cargos de presidente e vice-presidente do Sport, respectivamente. A confirmação foi publicada no site oficial do clube, mas não foi divulgada nas redes sociais. No comunicado que foi publicado, duas cartas foram assinadas pelos dirigentes para o conhecimento da torcida.

 

A eleição do Sport para o biênio 2021-2022 aconteceu no dia 9 de abril. Em um dos pleitos mais acirrados da história do clube, Milton Bivar venceu o principal opositor Nelo Campos por uma diferença de 38 votos. Ele, que no ano passado, já tinha pedido afastamento do cargo e desistido de ser candidato a reeleição. Com dois adiamentos e mudança na chapa de situação, o processo eleitoral foi bastante conturbado na Ilha do Retiro.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Comentários

Últimas notícias