COLUNA JC SAÚDE E BEM-ESTAR

"Superamos a marca de sete milhões de vacinas contra covid recebidas em Pernambuco", diz Paulo Câmara

Governador fez alerta sobre a importância da imunização: "Reforçamos que, se chegou a sua vez de tomar a primeira ou a segunda dose, procure os postos de vacinação"

Cinthya Leite
Cinthya Leite
Publicado em 31/07/2021 às 18:00
Notícia
HEUDES RÉGIS / DIVULGAÇÃO
Segundo Paulo Câmara, as novas doses serão encaminhadas na manhã deste domingo (1º) a todos os municípios - FOTO: HEUDES RÉGIS / DIVULGAÇÃO
Leitura:

Pernambuco recebeu, na manhã deste sábado (31), mais 318.330 doses de vacinas contra a covid-19 para proteger a população. Do total, 174.330 unidades são da Pfizer/BioNTech e 144 mil da CoronaVac/Butantan. Os insumos, que chegaram pelo Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, foram encaminhados ao Programa Estadual de Imunização (PNI-PE) para checagem e distribuição às 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres) do Estado.

Confira: Covid-19: após quase 7 meses de campanha de imunização, Brasil alcança marca de 100 milhões de pessoas vacinadas

“Com essa nova remessa, superamos a marca de sete milhões de vacinas recebidas em Pernambuco e seguimos avançando na imunização da população. Já estamos acionando nosso sistema de logística, que tem se mostrado bastante eficiente, para encaminhar essas novas doses na manhã deste domingo (1º) a todos os municípios. Reforçamos que, se chegou a sua vez de tomar a primeira ou a segunda dose, procure os postos de vacinação”, afirmou o governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

A superintendente de Imunizações da Secretaria Estadual de Saúde, Ana Catarina de Melo, informou que as novas doses vão reforçar a vacinação dos pernambucanos por faixa etária. “A Pfizer será destinada exclusivamente para a primeira dose, ampliando a população que iniciará sua proteção contra a covid-19. Já a CoronaVac segue para as duas aplicações - ou seja, para o esquema completo dos usuários”, disse Ana Catarina, alertando sobre a importância de finalizar o esquema vacinal.

Ao longo desta semana, Pernambuco recebeu 824.800 doses de imunizantes contra a Covid-19. Desde o início da campanha, em 18 de janeiro, são 7.280.600 doses disponibilizadas aos pernambucanos, sendo 3.556.670 da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, 2.577.360 da CoronaVac/Butantan, 978.120 da Pfizer/BioNTech e 168.450 da Janssen.

Balanço da vacinação em Pernambuco 

Pernambuco já aplicou 5.893.326 doses de vacinas contra a covid-19 na sua população, desde o início da campanha de imunização no Estado. Desse total, 1.635.874 pernambucanos completaram seus esquemas vacinais, sendo 1.469.314 pessoas que foram vacinadas com imunizantes aplicados em duas doses e outros 166.560 pernambucanos que foram contemplados com vacina aplicada em dose única.

Em relação às primeiras doses, foram 4.257.452 aplicações. Ao todo, foram feitas a primeira dose em 318.567 trabalhadores de saúde; 26.147 povos indígenas aldeados; 44.219 em comunidades quilombolas; 7.700 idosos em Instituições de Longa Permanência; 677.602 idosos de 60 a 69 anos; 603.168 idosos de 70 e mais; 2.463 pessoas com deficiência institucionalizadas; 420.044 pessoas com comorbidades; 34.100 pessoas com deficiência permanente; 66.665 gestantes e puérperas; 398.836 trabalhadores de serviços essenciais; 1.935 pessoas em situação de rua; 30.946 pessoas privadas de liberdade, além de 1.625.060 pessoas de 18 a 59 anos.

Sobre as segundas doses, já foram beneficiados 250.488 trabalhadores de saúde; 25.974 povos indígenas aldeados; 35.532 em comunidades quilombolas; 5.943 idosos institucionalizados; 514.838 idosos de 60 a 69 anos; 515.917 idosos de 70 anos e mais; 1.191 pessoas com deficiência institucionalizadas; 80.196 pessoas com comorbidades; 2.718 pessoas com deficiência permanente; 8.396 trabalhadores de serviços essenciais; 28.121 pessoas privadas de liberdade, totalizando 1.469.314 pernambucanos.

Quanto à dose única, foram beneficiadas 2.086 idosos de 60 a 69 anos; 500 idosos de 70 anos e mais; 2.502 pessoas com comorbidades; 326 pessoas com deficiência permanente; 12.185 trabalhadores de serviços essenciais; 937 pessoas em situação de rua, além de 148.024 pessoas de 18 a 59 anos.

Comentários

Últimas notícias