coronavírus

Informação sobre laranja, limão e mel na prevenção da covid-19 é falsa

Informação falsa circulou nas redes sociais e em aplicativo de mensagens. Não há remédio cientificamente comprovado para a covid-19

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 09/06/2020 às 12:12
Notícia
PIXABAY
Baixos níveis de vitamina C podem comprometer a pele, o cabelo e o sistema imunológico - FOTO: PIXABAY
Leitura:

Viralizou na internet a informação falsa que limão, laranja e mel previnem a contaminação do novo coronavírus. A mensagem que circulou nas redes sociais e em aplicativos de mensagens afirma que pessoas que consomem diariamente duas laranjas e tomam dois limões espremidos com mel não podem pegar a covid-19. Não há comprovação científica sobre a eficácia dos nutrientes no combate à doença, assim como é importante ressaltar que não existe ainda um remédio que protege a população da doença.

Por enquanto, a melhor forma de combate à covid-19 é higienizar as mãos e superfícies, além de usar máscaras e proteção para os olhos e evitar passar a mão no rosto. Há uma série de pesquisas realizadas em todo o mundo para agilizar o desenvolvimento de uma vacina para a doença, mas ainda não há nada confirmado.

>> Ministério da Saúde alerta sobre uso de vitamina D no combate ao novo coronavírus

>> Pesquisa aponta possível relação com vitamina D e mortalidade na covid-19

Informação que também ganhou força durante a pandemia diz respeito à carência de vitamina D e o agravamento dos sintomas da covid-19. Apesar de pesquisas alertarem sobre a relação de vitamina D e o elevado número de mortes, é importante alertar para o uso indiscriminado de suplementação. 

Comentários

Últimas notícias