07
jul

Existe bom futebol além dos tradicionais

07 / jul
Publicado por Marcos Leandro às 18:43

 

Semifinalistas definidos: França, Bélgica, Inglaterra e Croácia. Deste pequeno grupo sairá o vencedor da Copa do Mundo da Rússia. Quatro equipes que merecem respeito e que servem para mostrar que o futebol hoje é muito mais do que os grandes centros. Também em Copa do Mundo.

Claro que Brasil, Alemanha, Itália e Argentina, pelos títulos e campanhas que possuem, são os mais tradicionais em Mundiais – o Uruguai resgatou sua força nas últimas três Copas. Mas isso não significa que não se jogue um bom futebol em outros países. E com jogadores de qualidade, ou melhor, de muita qualidade. E que atuam em grandes clubes da Europa.

 

AFP

 

O time da Bélgica é sim muito bom. Hazard (Chelsea), De Bruyne (Manchester City) e Lukaku (Manchester United) são grandes jogadores. E a talentosa geração belga (acho que ninguém fará mais piada com esse rótulo após a vitória sobre o Brasil na sexta) ainda tem o firme zagueiro Kompany (Manchester City) e os eficientes meio-campistas Witsel (Tianjin Quanjian-CHN) e Fellaini (Manchester United) . Sem falar em Mertens (Napoli), que foi reserva contra o Brasil.

Na semifinal, a Bélgica vai topar com a França. Esta, de fato, era uma das favoritas antes de a bola rolar. Não só pela tradição, mas pelo time que tem. Pogba (Manchester United) faz uma grande Copa, comandando o meio de campo junto com o incansável Kanté (Chelsea). Na frente, Mbappé (PSG) e Griezmann (Atlético de Madrid) estão decidindo. Foi assim contra a Argentina nas oitavas e Uruguai nas quartas.

 

Foto: Dimitar DILKOFF / AFP

 

CROÁCIA X INGLATERRA

A outra semifinal, entre Croácia e Inglaterra é uma surpresa. Isso é inegável. Mas dá para reconhecer que há muito mérito em ingleses e croatas. Campeão em 1966 e semifinalista apenas em 1990, a Inglaterra sempre conviveu com o pessimismo nas avaliações a cada novo Mundial. E quase acumulam mais uma frustração, nas oitavas, quando só superou a Colômbia nos pênaltis.

Porém, é nítido que o futebol do English Team tem novidades. A própria escalação base na Copa, com três zagueiros, mas com muitos jogadores com vocação ofensiva – Lingard (Manchester United), Dele Alli (Totenham), Sterling (Manchester City) e Harry Kane (Tottenham) , deixam o jogo inglês bonito de se ver. Mesmo com os dois gols sobre a Suécia marcados no jogo aéreo.

 

 

Já a Croácia, mesmo sofrendo para passar por Dinamarca e Rússia nos pênaltis, tem um time de muita qualidade. Não à toa fez o que fez com a Argentina. Modric (Real Madrid), Rakitic (Barcelona), Mandzukic (Juventus) e Perisic (Internazionale) dão status ao time. Fora o goleiro Subasic (Monaco), herói nas duas disputas de penalidades.

Claro que Brasil, Alemanha, Itália e Argentina sempre vão merecer respeito, mas existe bom futebol também além das quatro mais tradicionais. A Copa da Rússia é a prova disso. Ainda bem!

 

Foto: Adrian DENNIS / AFP

 

 

 

publicidade


Veja também