Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

polêmica

Galvão Bueno questiona: "Por que todo mundo que não é Flamengo torce contra o Flamengo?"

Apresentador diz não entender motivos dos cariocas serem tão rejeitados

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 30/11/2021 às 11:38 | Atualizado em 30/11/2021 às 12:01
REPRODUÇÃO/TV GLOBO
Galvão Bueno vai deixar a Globo no final deste ano - FOTO: REPRODUÇÃO/TV GLOBO
Leitura:

Após anos consecutivos de conquistas em múltiplos campeonatos, o Flamengo passou o ano de 2021 em branco. As quedas no Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores, além da demissão do técnico Renato Gaúcho, renderam muitas gozações de torcedores rivais.

Durante o programa Bem Amigos, do canal por assinatura Sportv, o apresentador e narrador Galvão Bueno disse não entender o motivo dos rubro-negros terem tanta rejeição nacionalmente.

Relembre outras polêmicas envolvendo Galvão Bueno

Após polêmica com Neymar, Galvão Bueno se posiciona sobre crítica ao camisa 10; veja o que o narrador falou

"Eu nunca vi por esse Brasil todo tantas manifestações de achincalho, de gozações. Será que o Flamengo, o mais querido, já não é mais tão querido assim? Onde foi o erro pelo meio do caminho? Por que essa coisa de todo mundo que não é Flamengo torcer contra o Flamengo? Eu jamais tinha visto essa rejeição", questionou.

Nesta temporada o Flamengo caiu nas semifinais da Copa do Brasil para o Athletico-PR, perdeu o título da Libertadores para o Palmeiras e no Campeonato Brasileiro praticamente não tem mais chances de ser campeão. Nesta noite, por sinal, se não vencer o Ceará, o título será do Atlético-MG.

Neymar reage a publicação ironizando Galvão Bueno; confira

Neto esquenta polêmica entre Neymar e Galvão: 'Idiota é quem chamou'

Internamente, o clube também vive um momento turbulento. Desde a saída de Jorge Jesus no ano passado, nenhum treinador se firmou de maneira sólida ou fez o estrelado elenco atuar como o português tinha feito. Desde a saída dele, Rogério Ceni e Renato Gaúcho tentaram mudar o cenário, mas acabaram fracassando e foram demitidos.

Comentários

Últimas notícias