indignação

Lutadora chama DJ Ivis 'para luva' após ex-mulher do músico compartilhar vídeos em que é agredida por ele

Ir 'para luva' é uma prática de treino entre lutadores

Bruna Oliveira
Cadastrado por
Bruna Oliveira
Publicado em 13/07/2021 às 13:38
REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Lutadora Cristiane Cyborg se disse indignada com as agressões do DJ Ivis contra ex-mulher - FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Leitura:

Assim como boa parte dos brasileiros, famosos têm se manifestado contra Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, após a ex-mulher do músico publicar, nas redes sociais, vídeos em que agredida pelo artista. Entre as manifestações está a da lutadora peso-pena Cris Cyborg, que gravou um vídeo no qual chama DJ Ivis "para luva" (prática de treino entre lutadores).

"Eu vi pessoas ao redor vendo e não fazendo nada para defender essa mulher. Se você tem a capacidade de tocar na sua mulher, na sua esposa, então põe uma luva e vamos fazer uma luva. Faz isso que você fez nela em mim, vamos ver se você consegue", declarou em vídeo publicado no Instagram.

>> "Era de propósito, ele fazia porque queria", diz Pamella Holanda sobre as agressões que sofria do ex-marido, DJ Ivis

>> Quem é DJ Ivis? Flagrado em vídeo agredindo mulher é compositor de "Esquema Preferido" e outros hits do piseiro

A lutadora continuou o vídeo afirmando que o ato de DJ Ivis foi um absurdo e pediu para que as pessoas que o acompanham nas redes sociais, parassem de segui-lo. "Ele não é um exemplo para você, para seus filhos e família", concluiu.

 

O apelo da atleta, no entanto, parece longe de se tornar realidade. É que desde a divulgação das imagens de agressão, o músico ganhou seguidores no Instagram. Atualmente, ele conta com 943 mil pessoas o acompanhando na rede social. Segundo um levantamento da ferramenta Social Blade, o homem tinha pouco mais de 720 mil até a última sexta-feira (9). 

Os vídeos gravados por circuito interno de segurança foram publicados por Pamella Holanda, de 27 anos, no último domingo (11) e mostram explicitamente o artista deferindo tapas, chutes e puxões de cabelo contra ela.

>> DJ Ivis agride companheira e justifica violência afirmando que 'não aguentava mais ser chantageado'

>> Saiba quem é Pamella Holanda, mulher agredida pelo DJ Ivis

>> Xand Avião anuncia fim da parceria com DJ Ivis e diz que apoiará companheira do músico, que sofreu violência doméstica

 

O caso

Segundo informações publicadas pelo jornalista Léo Dias, do portal Metrópoles, o artista agrediu a esposa no início do mês, e teria, inclusive, ameaçado a mulher com uma faca.

Ambos chegaram a ser levados para uma delegacia do Ceará, mas Ivis não chegou a ser preso. Conforme informações repassadas a Léo Dias por fontes não reveladas, Pamella foi à delegacia sozinha, enquanto o músico acionou seus advogados para acompanhá-lo. Por conta disso, a mulher ficou amedrontada e acabou saindo da delegacia antes de prestar depoimento e fazer o exame de corpo de delito.

No outro dia, depois de se acalmar, Pamella retornou a delegacia e fez todos os procedimentos necessários, mas o flagrante não poderia mais ser lavrado, diz o Metrópoles. No dia 4 de julho, a Justiça do Ceará teria emitido uma medida protetiva em caráter de urgência a favor de Pamella e da filha do casal, de 9 meses.

Xand encerra parceria

O cantor Xand Avião, que é sócio na empresa Vybbe, um dos maiores escritórios de agenciamento de artistas e shows do País, publicou um vídeo na noite deste domingo se solidarizando com Pamella Holanda, companheira do DJ Ivis, que foi agredida pelo artista nos primeiros dias de julho. Segundo Xand, o contrato de Ivis com a sua empresa será rompido e toda a assistência será prestada a Pamella e à filha que ela tem com o DJ, de apenas 9 meses.

"Estava vindo de Fortaleza e quando cheguei em casa fui pego por essa tempestade do caso do DJ Ivis. Uma coisa muito séria e eu não admito e nem compactuo com qualquer tipo de violência, ainda mais contra uma mulher. Nada explica isso. Quero dizer também que já designei a minha equipe inteira para falar com Pamella e ajudar a ela e à criança no que elas precisarem", afirmou o cantor.

Comentários

Últimas notícias