Eleições 2020

João e Mendonça tecnicamente empatados. Números do Ibope indicam que polarização nacional deve ser realidade local

Neste momento, eleitores de direita começam a identificar Mendonça como representante. Campos surge numericamente à frente. Debate entre esquerda e direita pode ser a tônica na escolha do eleitor.

Igor Maciel
Igor Maciel
Publicado em 02/10/2020 às 18:50
Análise

Artes/SJCC
Segunda pesquisa Ibope/JC/Globo para prefeito do Recife nas eleições 2020 - FOTO: Artes/SJCC
Leitura:

A pesquisa Ibope/JC/Rede Globo apontando empate técnico entre os candidatos João Campos (PSB) e Mendonça Filho (DEM) é a confirmação da polarização que se imaginava para a eleição do Recife.

Imaginava-se, porque era impossível que a grande exposição dos debates nacionais nos últimos meses, entre esquerda e direita, não influenciasse a campanha em cada canto do Brasil, inclusive por aqui.

>> Ibope/JC/Globo: João Campos (PSB) e Mendonça Filho (DEM) empatam em rejeição na pesquisa para prefeito do Recife

A perspectiva sobre quem seria o representante da direita conservadora nessa disputa local é que estava em jogo e ainda está.

Hoje, o ex-ministro Mendonça Filho, com 19%, parece ser visto como essa representação. Campos tem 23%.

Logo em seguida, nesse campo, com 11%, Patrícia Domingos (Podemos) chega 8 p.p atrás de Mendonça.

E outros, como Alberto Feitosa (PSC), Marco Aurélio (PRTB) e Charbel (Novo), ou não pontuam ou alcançam 1%.

O eleitorado conservador, bolsonarista, portanto, está em maioria, identificado com Mendonça Filho.

Na esquerda, chama atenção o patamar de largada em que Marília Arraes (PT) se encontra. É abaixo do que vinha sendo especulado pela equipe dela e por apoiadores que a colocavam como líder da campanha. Os 14% da petista a colocam para brigar por espaço direto com a Delegada Patrícia Domingos, apesar de Marília ainda estar tecnicamente empatada com Mendonça, dentro da margem de erro, segundo o Ibope.

É apenas a primeira pesquisa do Instituto na eleição do Recife este ano. Muita estrada ainda há pela frente para os candidatos.

Mas os números mostram que o debate nacional estará no centro desse jogo.

Veja os números da pesquisa Ibope/JC/Rede Globo

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias